22 de Fevereiro, 2008 - 11:20 ( Brasília )

Terrestre

Exército Modernizará a VBTP M-113B

Em reunião no QG do Exército, em Brasília, no dia 20 de Fevereiro, foi dada a partida para o Programa de Modernização da Viatura Blindada de Transporte de Pessoal M113-B

Em reunião no QG do Exército, em Brasília, no dia 20 de Fevereiro, foi dada a partida para o Programa de Modernização da Viatura Blindada de Transporte de Pessoal M113-B. Estiveram presentes representantes das empresas que atenderam ao Aviso de Consulta Pública, publicado no Diário Oficial do dia 01 de fevereiro de 2008.

A VBTP M113 começou a ser recebida pelo Exército Brasileiro nos anos 60 e completado nos anos 70, através dos programas de ajuda militar do governo americano. Estima-se que estejam em operação no Exército Brasileiro mais de 500 viaturas M113.

Na década de 80 os M113 em operação pelo Exército Brasileiro foram modernizados e criou-se o modelo M113-B.

Agora será a segunda modernização com mais troca de componentes.

Na primeira modernização um estudo do Centro Tecnológico do Exército (CTEx) detalhou as necessidades e foi contratada a empresa MOTOPEÇAS Transmissões S.A. para a realização das alterações.

No modelo B a maior alteração foi a troca do motor a gasolina de alta octanagem Chrysler (215 HP) pelo nacional a Diesel da Mercedes-Benz OM352A (180HP). A transmissão original Allison foi revisada e mantida adaptando-se as conexões de disco e platô, elétricas e de filtragem. Também foi incorporado um escudo para o atirador da metralhadora .50.

Agora, no que podemos chamar de a "versão C do M113" o Exército fará uma modernização mais profunda, que deverá compreender as substituições do motor, da transmissão, das lagartas, dentre outros subsistemas. O processo está sendo conduzido pelo Departamento de Logística do Exército sob o comando do General Raymundo Nonato de Cerqueira Filho.

Em 2005 foi apresentado um protótipo do M113-T. Porém esse estudo só previa a troca do motor, adotando o MWM-International 607 TCA.

Conforme o edital, deverá ser apresentada até o dia 06 de março documentação pelas empresas que queiram se habilitar ao trabalho de modernização deste veículo blindado. A documentação solicitada cobre: experiência, organização, infra-estrutura, capacitação técnica e situação econômico-financeira.

A linha de produção do M113 ainda está ativa, quase 50 anos após a primeira encomenda (1959), pelo US Army à companhia FMC, de Jan Jose, California. Mais de 80.000 M113, nas mais diferentes versões, foram produzidos, nos Estados Unidos e outros paises. A empresa BAE Systems é a atual produtora do M113 e do seu sucessor o M2/3 Bradley. A estrutura do M113 é feita em uma liga especial de alumínio.



 

Diário Oficial da União de 01 de Fevereiro de 2008

AVISO DE CONSULTA PÚBLICA

O COMANDANTE DO EXÉRCITO BRASILEIRO, por intermédio do CHEFE DO DEPARTAMENTO LOGÍSTICO, torna público que dará início ao processo de seleção de empresas, brasileiras ou estrangeiras, interessadas na modernização de viaturas blindadas de transporte de pessoal (VBTP), modelo M113 B do Exército Brasileiro.
O referido processo de seleção se dará com base em critérios técnicos e de avaliação de atributos de capacitação econômico-financeira, de organização, de experiência e de infra-estrutura, previamente estabelecidos pelo Exército Brasileiro, bem como nos demais critérios impostos pela legislação em vigor. A relevância do empreendimento recomenda a sua ampla divulgação, a fim de que as empresas do ramo de defesa e de projeto, fabricação e manutenção de veículos especiais possam participar e contribuir para a modernização em questão. As empresas interessadas em informações mais detalhadas acerca do projeto propriamente dito e do processo de seleção deverão se fazer representar em reunião de consulta pública, marcada para o dia 20 de fevereiro de 2008 às 14h00, no seguinte endereço:

QGEx - Bloco "C" Térreo - Setor Militar Urbano - Brasília/DF - Sala de Licitações do Departamento Logístico, CEP 70 630 901. Contatos pelo Tel/Fax (61) 3415-4667 ou email: licitacoesda5@dlog.eb.mil.br.

Na oportunidade, serão requisitadas informações acerca da experiência, organização, infra-estrutura, capacitação técnica e situação econômico- financeira das empresas interessadas no projeto, que terão, após esta consulta pública, 15 (quinze) dias corridos para apresentar cartas de intenção com as informações requisitadas, protocolando a documentação no Protocolo Geral do Departamento Logístico QGEx - Bloco "C" 2º Piso - Setor Militar Urbano - Brasília/DF até às 16h00 da data limite de 6 de março de 2008

Cel - EDUARDO BARBACHAN DE ALBUQUERQUE
Ordenador de Despesas
Gen Ex - RAYMUNDO NONATO DE
CERQUEIRA FILHO
Chefe do Departamento