04 de Abril, 2011 - 13:30 ( Brasília )

Terrestre

VBTP-MR Guarani - Apresentado o Protótipo

IVECO, Governo de MG e Exército anunciam unidade de veículos blindados em Sete Lagoas

Lúcia Sebe/Secom MG

Acesse também a nota distribuída pela IVECO

BELO HORIZONTE (04/04/11) - O governador Antonio Anastasiaparticipou nesta segunda-feira (4), no Palácio Tiradentes, do anúncio da criação da nova unidade de negócios da Iveco, em Sete Lagoas, a Iveco Veículos de Defesa. Durante a solenidade, foi apresentado oficialmente o Veículo Blindado de Transporte de Pessoal (VBTP), batizado de Guarani.

O projeto de implantação de uma unidade de veículos blindados, na fábrica da Iveco em Sete Lagoas, prevê investimentos da ordem de R$ 75 milhões, com a geração de 350 empregos diretos. A expectativa é que o início de operação da unidade seja no segundo semestre de 2012.

Estão envolvidos diretamente no projeto 110 fornecedores (dos quais 42 já pré-selecionados), e outros 340 na cadeia produtiva. A montadora do Grupo Fiat venceu licitação para fornecer, ao longo de 20 anos de contrato, 2 mil unidades. Uma média de 110 unidades por ano. Não se descarta a possibilidade de exportação do modelo.

Detalhes do modelo

O projeto VBTP é um empreendimento conjunto entre Iveco e o Exército Brasileiro. Consiste na fabricação de uma viatura de transporte de 18 toneladas, equipada com motor diesel eletrônico, tração 6x6 e capacidade anfíbia, capaz de transportar 11 militares.

O VBTP deverá substituir gradativamente a frota atual de blindados de transporte de tropas do Exército.

O modelo poderá ser equipado com uma torre de canhão automático ou de metralhadora operada por controle remoto para diversas aplicações diferentes, e pode ser aerotransportado por um avião tipo Hercules C-130.

O veículo será a plataforma base de uma família de blindados médios de rodas que poderá ter até mais dez versões diferentes, incluindo veículos de reconhecimento, carro de combate, socorro, combate de fuzileiros, posto de comando, comunicações, morteiro leve, morteiro pesado, central diretora de tiro, oficina e ambulância.

Condomínio de fornecedores

Em novembro de 2011, o Governo de Minase a Iveco anunciaram a criação de um condomínio de fornecedores ao lado do complexo industrial da empresa em Sete Lagoas.

Na primeira fase do projeto, serão instaladas 14 empresas de autopeças para montar subconjuntos e entregá-los no sistema jus in time às linhas de produção da montadora de caminhões. Quando estiver em plena capacidade, serão criados 600 empregos diretos. Os investimentos dos fornecedores deverão somar R$ 60 milhões.

O condomínio de fornecedores é resultado de um acordo realizado entre a Iveco Latin America e o Governo de Minas, por meio da Companhia de Desenvolvimento de Minas Gerais (Codemig), que será responsável pelas obras de terraplenagem, pavimentação, saneamento básico, drenagem das águas pluviais, redes de energia elétrica e de iluminação pública, vias de acesso. O condomínio entrará em operação no final de 2011.

Fonte - Governo Minas Gerais