31 de Outubro, 2011 - 10:01 ( Brasília )

Terrestre

O Exército brasileiro negocia a compra de 36 blindados antiaéreos


No último dia 20, a Krauss-Maffei Wegmann, fabricante do tanque, promoveu uma demonstração para militares de alta patente no Campo de Instrução de Formosa, em Goiás. Mais que o valor do negócio, 30 milhões de euros,  o que provoca questionamentos entre alguns generais é a qualidade do blindado.

O Gepard, desenvolvido na década de 60, utiliza tecnologia ultrapassada, tanto que a Alemanha, a Bélgica e a Holanda o retiraram de operação. Além disso, o Chile encomendou um lote desses blindados há três anos, mas concluiu que não era uma boa compra e devolveu o equipamento após testes com quatro unidades.

DefesaNet

A empresa KMW enviou  correspondência referente à matéria publicada  em Veja e posteriormente no DefesaNet com o título “O Exército brasileiro negocia a compra de 36 blindados antiaéreos”.

Na carta a empresa contesta as afirmações da matéria e apresenta interessante  detalhes sobre sistemas de defesa antiaérea.

Matéria

GEPARD - KMW contesta afirmações sobre o sistema Link

O editor  

DNTV

SIAAEB – Surge o GEPARD 1A2

Vídeo mostrando o exercício realizado em Formosa. Mostrado o lançamento de mísseis Manpads IGLA, disparo de canhões Bofors 40L70 e do sistema Gepard Link