25 de Outubro, 2011 - 19:20 ( Brasília )

Terrestre

FENATRAN - IVECO Apresenta o STRALIS AS

Maior, mais potente e luxuosa, nova família Stralis AS atende ao Proconve P7 (Euro V) e apresenta reduzido consumo de combustível.

DefesaNet

O IVECO STRALIS AS usará o motor FTP CURSOR mesmo do que será montado na VBTP-MR GUARANI

O Editor


Dimensões portentosas resultam em cabine com vasto espaço interno, na qual se destaca um novo e exclusivo painel de instrumentos.
Com novas motorizações de 560, 480 e 440cv e versões 4x2, 6x2 e 6x4, o Iveco Stralis AS vem com transmissão ZF automatizada de série.


A Iveco, empresa de caminhões que mais cresce no Brasil, surpreende o mercado ao apresentar na Fenatran 2011 o novíssimo Iveco Stralis AS, de Active Space, seu maior, mais potente (560cv) e mais luxuoso caminhão no segmento de veículos extrapesados. O modelo traz com exclusividade mundial um novo painel e um novo interior de beleza, ergonomia e conforto incomparáveis em seu segmento. Essa nova família Iveco começa a ser vendida a partir de 2012 com três opções de motorização que atende ao Proconve P7 (Euro V), o que significa que também emite menos gases poluentes e materiais particulados na atmosfera.

Sétima família de caminhões da Iveco no Brasil, o Iveco Stralis AS é o primeiro de uma nova geração de produtos Iveco dentro da linha ECOLINE, com a qual a empresa renovará toda a sua atual gama de produtos, que já é a mais moderna do mercado. “Serão caminhões ainda mais confortáveis e robustos, com motores perfeitamente adaptados ao Brasil, com maiores potências, melhor performance e menor consumo de combustível”, explica Marco Mazzu, presidente da Iveco Latin America. “Lançamos seis famílias de caminhões entre 2007 e 2011 e agora renovaremos todas outra vez, pois temos um compromisso com a inovação e a modernidade em favor do cliente”.

A nova geração ECOLINE da Iveco inclui novas cabines, novos interiores, modificações mecânicas de chassi, suspensão e novos sistemas elétricos e pneumáticos que, depois de serem exibidos na Fenatran, serão lançados no mercado ao longo de 2012. Estão previstas mais de 140 versões dos vários modelos da marca. O Iveco Stralis AS é a primeira estrela dessa nova gama, com a qual a Iveco pretende manter sua trajetória de sucesso iniciada em 2007, quando partiu de um market share de menos de 4% para mais de 9% hoje. As vendas da empresa cresceram cinco vezes desde então.

Todas as famílias ECOLINE serão produzidas no Brasil, o que significa que os veículos poderão ser financiados pelo Finame. Serão importadas apenas algumas versões para aplicações especiais.

NOVOS PADRÕES DE IMPONÊNCIA E ESPAÇO INTERNO

O Iveco Stralis AS justifica seu nome por extenso: Active Space. Ele traz ao Brasil a maior cabine de veículos extrapesados Iveco, projetada para oferecer o máximo em espaço interno e comodidade ao motorista e ocupantes. Em sua versão teto alto, ela mede 3.820mm de altura e 2.500mm de largura, sendo 220mm mais alta e 200mm mais larga que o modelo teto alto do Iveco Stralis atual (que continua em produção na linha ECOLINE). O Iveco Stralis AS traz também uma versão teto médio, com os mesmos 2.500mm de largura e 3.347mm de altura.

Aerodinâmica, a cabine tem forte familiaridade com o Iveco Stralis atual (que já é um dos mais bonitos caminhões do mercado), mas é mais impactante devido às suas dimensões. Comparado ao modelo atual, as diferenças mais visíveis estão na grade dianteira, com uma entrada de ar a mais, e nos defletores de ar laterais maiores (com cinco divisões), que colaboram para a redução do consumo de combustível. Os para-lamas são integrados nas laterais da cabine e pintados na cor da carroceria. O desenho das portas traz um relevo sinuoso, que se harmoniza aos para-lamas. No conjunto, as linhas reforçam uma imagem de força e elegância.

Para facilitar a entrada ao interior, cujo piso é mais elevado em comparação à linha Stralis atual, o modelo ganhou um novo degrau: agora são quatro (contando o patamar de acesso). Detalhe: quando as portas se abrem, os degraus ficam iluminados por 30 segundos, fator de segurança durante operações noturnas. Outro detalhe de segurança é a cobertura do degrau superior. Há um espelho frontal para facilitar manobras. O para-brisa é bem mais amplo, acompanhando a maior largura do modelo. Os bancos do motorista e passageiro têm apoia-braços, ajuste lombar e cinto de segurança integrado. Têm também suspensão pneumática (o do motorista pode ser ajustado pneumaticamente na altura).

O conforto é uma característica do Iveco Stralis AS. O vasto espaço interno amplia a sensação de bem-estar. Tecidos e materiais mais nobres e resistentes são usados nas forrações, bancos e portas, confeccionados em duas cores (preto e caramelo). O espaço entre os bancos é plano e sobre ele uma pessoa de até 1,90m pode ficar em pé sem tocar a cabeça no teto. O modelo vem com uma ou duas grandes e confortáveis camas de colchão inteiriço e espuma de densidade variável. Há luz de leitura na cama inferior e, sob ela, um refrigerador e uma caixa térmica com capacidade para 35 litros. Há, também, uma mesa para refeições e tomada 12 volts para conexão de computador, etc. A suspensão da nova cabine vem com bolsões de ar em quatro pontos independentes, com amortecedores que absorvem as acelerações e oferecem maior conforto ao motorista. O sistema de basculamento da cabine é elétrico, propiciando mais agilidade e modernidade ao veículo.

PAINEL TOTALMENTE REDESENHADO: NOVIDADE MUNDIAL

O novo Iveco Stralis AS introduz no Brasil, com exclusividade mundial, um novo painel de design elegante, envolvente, que faz jus à origem italiana da marca. Confeccionado em duas cores (preto e caramelo), ele garante um grau de sofisticação superior ao habitáculo, que por sua vez vem recheado de detalhes mais comuns a um carro luxuoso: a cortina que recobre o para-brisa tem acionamento elétrico, os espelhos retrovisores elétricos possuem aquecimento antiembaçante, o ar-condicionado é digital e a parte central do painel ainda possui porta-copos e porta-objetos retráteis.

As mudanças no painel são facilmente perceptíveis e começam no volante de novo desenho, que tem detalhes cromados e traz integradas as teclas de comando de acesso e consullta ao computador de bordo e suas várias funções (dados da viagem). Entre elas, a indicação do nível do tanque de ureia (ARLA 32). O computador de bordo ocupa posição central no conjunto de instrumentos e incorpora o econômetro, com o qual é possível verificar o consumo instantâneo de combustível e a pressão do turbo.

O velocímetro, o conta-giros e os indicadores de nível de combustível e de pressão de óleo foram igualmente redesenhados e são rodeados por uma série de luzes-alerta, com ícones de fácil compreensão. No contorno desse conjunto de instrumentos, localizam-se as teclas de acionamento dos faróis (baixo, alto, neblina, retroneblina), do piloto automático e do bloqueio diferencial, que passa a ser eletropneumático com proteção de velocidade.

Imediatamente ao lado direito dos instrumentos, em outro conjunto, encontram-se as teclas de operação do caminhão, como as de acionamento do câmbio automatizado (D, N, R), tecla da condução econômica (ECO), limitador de velocidade, rebatedor elétrico de cabine, luzes internas, etc. No módulo central do painel, posicionado na direção do motorista, para maior visibilidade e facilidade de acesso, estão localizados os comandos de serviços, como o de elevação do terceiro eixo (na versão 6x2), tomada de força, buzina pneumática, etc. Ali também se encontram os comandos do rádio e do ar-condicionado digital.

MOTORES EURO V PERFEITAMENTE ADAPTADOS AO BRASIL

O Iveco Stralis AS vem em três opções de motorização, todas certificadas para o Euro V com a tecnologia SCR (Redução Catalística Seletiva, em português), com pós-tratamento de emissões com o uso do ARLA (agente redutor líquido automotivo) 32 e com maiores potências e reduzido consumo de combustível. Entre as versões está a de 560cv, com 2.500Nm de torque, que chega ao mercado no segundo semestre de 2012. As duas outras motorizações para o mercado brasileiro são de 480cv e 440cv, com 2.250Nm e 2.100Nm de torque, respectivamente, completando, assim, uma nova família de produtos que prima não só pelo tamanho e conforto, mas também pela generosa potência e força de seus propulsores, garantia de condução mais tranquila, segura e de maior produtividade para o operador.

O motor é o conhecido Iveco-FPT Cursor 13, de seis cilindros e 13 litros, com tecnologia Euro V testada e consolidada na Europa. Os motores foram perfeitamente adaptados às condições de uso no Brasil e América Latina em testes de 5 milhões de quilômetros sob as mais duras condições de uso.

Em todos os modelos, o motor está acoplado a uma transmissão ZF de 16 marchas automatizada. O câmbio manual é opcional e tem sistema “single H” (com marchas posicionadas em H sobreposto, o que traz maior conforto e desempenho na condução pelo motorista e simplifica as trocas). O intarder é opcional, com altíssimo poder de frenagem. Outras novidades mecânicas incluem ajustador automático de freios de série e novos opcionais, como entre-eixos de 3.000mm e 3.200mm, suspensão traseira pneumática (opcional) e novo sistema elétrico e pneumático.