22 de Março, 2019 - 11:45 ( Brasília )

Terrestre

Novos Guias de Cordada do Exército Brasileiro são brevetados e estão aptos a operar em elevada altitude


No dia 21 de março, o 11º Batalhão de Infantaria de Montanha (11º BI Mth) realizou a formatura de brevetação do Curso Básico de Montanhismo (CBM) 2019/2, para os oficiais, e 2019/3 para os sargentos. O CBM tem como principal função capacitar o militar a: operar nas alturas, conduzindo tropas de qualquer natureza; realizar escaladas; e equipar vias provisórias e ou permanentes em rocha.

Concluíram com aproveitamento 20 militares, sendo dois do 10º Batalhão de Infantaria Leve, seis do 11º Batalhão de Infantaria de Montanha, dois do 12º Batalhão de Infantaria, um do 32º Batalhão de Infantaria Leve, dois do 4º Grupo de Artilharia de Campanha Leve, três do 17º Batalhão Logístico Leve, um do Comando da 4ª Brigada de Infantaria Leve (Montanha), dois da Companhia de Comando da 4ª Brigada de Infantaria Leve (Montanha) e um da Academia Militar das Agulhas Negras.

 

O Coronel Henrique Fernandes Marques, Chefe do Estado-Maior da 4ª Brigada de Infantaria Leve (Montanha) – 4ª Bda Inf L (Mth) –, acompanhado do Comandante do 11º BI Mth e familiares dos concludentes, realizou a brevetação dos alunos. Os novos Guias de Cordada estão aptos, a partir deste momento, a utilizar o símbolo do montanhismo militar brasileiro, que, junto com a boina cinza, representa o montanhista militar.

Todas as atividades foram realizadas no Campo de Instrução de Montanha do 11º BI Mth, localizado em São João Del Rei (MG), sendo coordenadas pela equipe de instrutores e monitores do Centro de Instrução de Operações em Montanha (CIOp Mth). Atualmente, o CIOp Mth ministra estágios e cursos de Montanhismo Militar.

 

O mais elementar, o Estágio Básico do Combatente de Montanha, que forma o escalador militar, destina-se a qualificar o escalador de combate, permitindo-lhe ascender por vias equipadas. O segundo, o CBM, que forma o Guia de Cordada, objetiva a condução de equipes de escaladores por vias de difícil acesso e de elevado grau de dificuldade, assim como a equipagem das vias para o escalador militar ultrapassá-las.

Já o Curso Avançado de Montanhismo forma o Guia de Montanha e requer técnica mais apurada e é realizado por militares possuidores do Curso Básico. Sua finalidade é executar reconhecimentos técnicos em montanha, assessorar o comando da tropa sobre as características operacionais em terreno montanhoso, selecionar as melhores vias, ultrapassar paredões e planejar operações de busca e salvamento em montanha.



ÚLTIMAS

Terrestre

MAIS LIDAS