24 de Abril, 2018 - 11:10 ( Brasília )

Terrestre

Homens e mulheres adentram portão das armas e concretizam sonho de se tornar Sargento do Exército


No dia 13 de abril, os novos alunos do Curso de Formação de Sargentos (CFS) procederam à entrada solene pelo Portão das Armas do 4° Grupo de Artilharia de Campanha Leve (4° GAC L). Após muito estudo e dedicação, civis e militares de todo o Brasil, aprovados no concurso para a Escola de Sargentos das Armas (EsSA), iniciaram a primeira fase da formação de sargentos do Exército Brasileiro.

Por tradição, os portões da organização militar são abertos pelo mais novo aluno da turma, chamado de “claviculário”, junto com o diretor de ensino, permitindo que os demais adentrem ao aquartelamento, em direção a essa nova fase de suas vidas. Neste ano, foi uma jovem, a Aluna Alanna Fernandes Azevedo, que recebeu essa incumbência, junto ao Coronel Marcelo Marques da Silva Brun.

Um a um, os alunos ultrapassaram o portão das armas em trajes civis, simbolizando um ato austero de compromisso para com o Exército Brasileiro, em especial o de honrar seus valores, deveres, tradições, raízes históricas, ética e, principalmente, o respeito à hierarquia e à disciplina. Esse momento marcou, ainda, a conquista de um sonho de muitos jovens brasileiros.

Depois da solenidade, a Turma realizou sua primeira formatura já com o uniforme militar, no Pátio General Fassheber. Vibrando, todos entoaram o Hino Nacional e realizaram a tradicional Oração do Combatente de Montanha, cultuando as tradições das Unidades de montanha do Exército.

Durante a solenidade de incorporação, cada aluno recebeu, de seu padrinho ou madrinha, o gorro camuflado, materializando a conquista de ser aluno de uma escola militar. Um gesto de muito orgulho para os familiares, ao verem jovens superando muitas dificuldades e alcançando um objetivo em suas vidas.

O Diretor de Ensino presidiu a cerimônia e deu as boas-vindas aos novos alunos. A solenidade foi prestigiada por autoridades civis e militares, além das famílias e amigos dos alunos e personalidades da sociedade de Juiz de Fora.

 
 

A formação

Os aprovados nas etapas eliminatórias do concurso da EsSA foram matriculados para o ano letivo de 2018 em Unidades Militares por todo o Brasil. No Corpo de Tropa, onde inicia a formação do CFS, os alunos têm instruções teóricas e práticas em comum para depois escolherem suas armas quadros ou serviço.

Ao concluir o ano letivo, os alunos têm acesso garantido à EsSA, à Escola de Sargentos de Logística (EsSLog) ou ao Centro de Instrução da Aviação do Exército, localizados, respectivamente, em Três Corações (MG), Rio de Janeiro (RJ) e Taubaté (SP). Nesses estabelecimentos de ensino, continuarão a sua formação militar por mais um ano e finalmente serão promovidos à graduação de terceiro-sargento.

Esse é o segundo ano em que o Exército recebe mulheres para integrar quadros e serviço da linha bélica. A primeira turma mista já está na EsSLog. No ano de 2018, foram disponibilizadas, para o 4° GAC L, um total de 73 vagas, sendo 22 para alunos do sexo masculino e 51 para alunos do sexo feminino.

Fotos:
Sgt Delvivo / EB



ÚLTIMAS

Terrestre

MAIS LIDAS