26 de Agosto, 2011 - 09:38 ( Brasília )

Terrestre

Exército elogia "comandante suprema"


Edson Luiz

Na solenidade alusiva ao Dia do Soldado, comemorado ontem, o comandante do Exército, general Enzo Peri, disse que há uma clara determinação da presidente Dilma Rousseff — a quem chamou de "comandante suprema" — e do ministro da Defesa, Celso Amorim, de dotar as Forças Armadas com "material situado na vanguarda tecnológica, preferencialmente produzido pela indústria nacional".

O evento, no Quartel-General do Exército, em Brasília, contou com a participação do vice-presidente Michel Temer e de vários ministros, que receberam a Medalha do Pacificador, a maior condecoração concedida pelo Exército.

Enzo Peri pediu a seus comandados que prosseguissem em suas missões, apesar das adversidades que possam surgir. "Vemos que o mundo atravessa séria crise econômica de dimensão ainda indefinida. Isso afeta a todos", afirmou o general, ressaltando que é necessário a todos se manter preparados. Ele se referia ao trabalho que vem sendo feito hoje pela Força: "Uma média diária de mais de 80 operações, do Haiti ao Complexo do Alemão", observou o comandante.

Michel Temer representou a presidente Dilma Rousseff na solenidade, uma das mais tradicionais da Força, que comemora o nascimento de seu patrono, Luiz Alves de Lima e Silva, o Duque de Caxias. Este ano, foram distribuídas 1.037 medalhas em todo o país, sendo 377 em Brasília. Entre os agraciados, estavam os ministros de Ciência e Tecnologia, Aloizio Mercadante; de Relações Institucionais, Ideli Salvatti; da Casa Civil, Gleisi Hoffmann; e do Planejamento, Miriam Belchior.