11 de Agosto, 2011 - 09:04 ( Brasília )

Terrestre

17º Batalhão de Fronteira realiza reconhecimento de fronteira


Corumbá (MS) – No período de 30 de julho a 4 de agosto, integrantes da Força Pantanal do 17° Batalhão de Fronteira (17º B Fron) realizaram uma patrulha de reconhecimento de fronteira, passando pelos marcos Bonfim, Desaguadouro-Mandioré, Caraguatal, Ilha do Velho e Palmital-Mandioré.

O reconhecimento de fronteira é uma operação militar realizada quinzenalmente para verificação dos limites do território nacional, caracterizada pela passagem e vistoria dos marcos de fronteira, a fim de cumprir a principal missão do Batalhão, que consiste na vigilância estratégica da faixa de fronteira. O 17º B Fron tem sob sua responsabilidade mais de 300 km de fronteira com a Bolívia, contando ao norte da área com o Destacamento Militar de Porto Índio, localizado na divisa dos estados do Mato Grosso do Sul e Mato Grosso, e, nas demais faixas de fronteira, com a Força Pantanal, constituída por militares do efetivo profissional e dotada de viaturas e embarcações com a finalidade de proporcionar mobilidade para o cumprimento dessa missão.

Na oportunidade, um Pelotão, constituído por 20 militares, deslocou-se por mais de 150 km na hidrovia do Rio Paraguai, transportado na Embarcação Base de Pelotão "Duque de Caxias" e apoiado por duas embarcações patrulha de grupo de combate, “voadeiras”, com o objetivo de reconhecer os marcos localizados próximo à Lagoa Mandioré e a oeste da Serra do Amolar, na região do Pantanal sul-matogrossense, região de difícil acesso, onde a Força Terrestre se faz presente.

Fonte:EB