30 de Maio, 2011 - 11:24 ( Brasília )

Terrestre

MAN já tem 600 unidades na frota do Exército

Montadora alemã desenvolveu um veículo especialmente para as operações militares A MAN Latin America está aumentando a presença no Exército Brasileiro.

Publicado 27 Maio 2011 - Brasil Economico

Montadora alemã desenvolveu um veículo especialmente para as operações militares A MAN Latin America está aumentando a presença no Exército Brasileiro.

A montadora que desde 2007 vende caminhões adaptados para o órgão é hoje a segunda marca na frota militar. Este ano, serão entregues 330 veículos e com isso totalizarão 600 caminhões MAN no Exército.

O presidente da montadora, Roberto Cortes, explicou que o caminhão que hoje roda na parte terrestre das forças armadas foi desenvolvido pela empresa em conjunto com o órgão para operações de transporte de tropas e equipamentos em terrenos de difícil acesso. “O caminhão Worker foi homologado após alguns testes em campo. Agora, já somos a segunda frota na corporação”, disse Cortes.

Até 2007, o Exército só comprava caminhões Mercedes-Benz.

O projeto do caminhão militarizado da MAN incluiu um ano de testes em campos de provas militares em todo o Brasil. Um protótipo rodou 34 mil quilômetros nas bases das cidades fluminenses do Rio de Janeiro (Restinga da Marambaia), Mangaratiba (Itacuruçá) e Duque de Caxias. O veículo também passou por Goiânia (GO), Cachoeira do Sul (RS) e por manobras no estado do Espírito Santo, atendendo aos Requisitos Operacionais Básicos (ROB) do Exército.

A homologação incluiu testes de rodagem por terrenos arenosos, alagados e com lama, além de manobras de embarque aéreo e marítimo, transporte de pontes, uso de biodiesel em mistura B2 (2% de mistura ao diesel convencional) e até testes de balística, conferindo a resistência da cabine a estilhaçamentos.

Este é um mercado que, segundo Cortes, poderá ser bem explorado junto às Forças Armadas. Isso porque o Exército está em processo de renovação de sua frota, o que poderá render negócios para a MAN. “Estamos prospectando essas vendas e acreditamos que poderemos aumentar o números de caminhões para o Exército. Além disso, com a homologação deste caminhão podemos entrar em concorrência em outros países”, disse Cortes.

Segundo ele, países da América Latina já se interessaram pelo projeto brasileiro.

Empreitada da IVECO


E não é só a MAN e a Mercedes que têm veículos rodando nas Forças Armadas Brasileiras.

A IVECO Latin America ganhou a concorrência para fornecer os novos veículos blindados de transporte de pessoas. Serão 2.044 unidades e o contrato total é de R$ 6 bilhões e deverão ser entregues até 2029.

Para dar conta da produção, a montadora italiana abriu uma nova linha de montagem em sua fábrica instalada em Sete Lagoas, Minas Gerais.

Defesanet

MAN AG Compra Operação de Caminhões da Volkswagen do Brasil O Globo 15 Dezembro 2008

Volkswagen encerra hegemonia de 50 anos da concorrência DefesaNet Abril 2007

VBTP-MR Guarani Apresentado a Dilma Rousseff DefesaNet 22 Abril, 2011