23 de Fevereiro, 2012 - 09:52 ( Brasília )

Tecnologia

Alunos brasileiros realizarão estágios com o Grupo EADS na Europa


Com o convênio estabelecido em 2008 entre a EADS e a Faculdade de Engenharia da Universidade de São Paulo (USP) em São Carlos,alunos realizarão estágios com duração de um ano nas instalações da EADS na Alemanha e na França, incluindo Airbus, Eurocopter e EADS Innovation Works, braço do Grupo EADS responsável por pesquisa. Os alunos iniciam os programas no primeiro trimestre de 2012.
 
Para o Presidente da EADS Brasil, Bruno Gallard, a experiência é extremamente benéfica para os alunos. “Esta iniciativa constitui um dos pilares da boa relação que construímos com a USP São Carlos. Através deste programa, jovens futuros engenheiros aeronáuticos da USP terão a oportunidade de participar do desenvolvimento e da produção das mais modernas e avançadas aeronaves, helicopteros e tecnologias upstream que existem e das que ainda estão por vir. É também uma forma eficaz de levar estes estudantes brasileiros a conhecer os diferentes padrões e culturas  dentro de um grupo multicultural como a EADS”, diz.
 
Na USP, o programa é coordenado pelo Prof. Dr. Fernando Catalano, que organiza o processo de pré-seleção com base no perfil dos alunos interessados e nos requisitos das vagas oferecidas pelas empresas participantes.
 
Desde o início do programa, estudantes brasileiros vem realizando estágios em empresas da EADS na Europa. Alguns desses alunos foram contratados pela Helibras, subsidiária brasileira da Eurocopter. Outros voltaram à Europa para realizar estudos de pós-graduação, ampliando o conhecimento adquiridos durante o estágio.
 
Após o estágio na Europa, os alunos têm de retornar à USP para concluir seus estudos. O curso de engenharia aeronáutica é um dos que mais exigentes em termos técnicos.   No Brasil, é oferecido em poucas universidades, incluindo a Escola de Engenharia da USP de São Carlos.