21 de Novembro, 2011 - 10:32 ( Brasília )

Tecnologia

MVC Firma JV com a BOMBARDIER e ingressa no Segmento Ferroviário

Joint venture começa o operar em 2012 e vai fornecer para a Bombardier

São José dos Pinhais (PR), 21 de novembro de 2011 - A MVC, empresa brasileira líder no desenvolvimento de produtos e soluções em plásticos de engenharia e pertencente à Artecola e à Marcopolo, anunciou no dia 16 de novembro, que firmou uma joint venture com a BFG International, empresa especializada no segmento de compósitos de alto desempenho para trens. A BFG Brasil será instalada dentro do complexo industrial da MVC, em São José dos Pinhais (PR), e começa a operar no início de 2012 para fornecer, a partir de março, componentes de revestimentos internos e externos de vagões de trens para a Bombardier Transportation Brasil.
 
De acordo com o diretor-geral da MVC, Gilmar Lima, a joint venture permitirá à MVC dar um importante passo e ingressar em um novo e importante mercado, o ferroviário. “O trem é um dos sistemas de transporte mais eficientes e, por isso, sua aplicação deverá crescer muito em todo o mundo, inclusive no Brasil. A parceria com a BFG International garante acesso à mais avançada tecnologia em compósitos de alto desempenho e abrirá novas oportunidades no nosso País e em todo o mundo”, salienta o executivo.
 
A negociação com a BFG International começou em março deste ano, durante um importante evento internacional de tecnologia, na França, onde a MVC foi premiada pelo desenvolvimento tecnológico. Em outubro, foi finalizado o acordo, com a formalização da joint venture – BFG Brasil.
 
“Iniciamos nossas operações com um contrato de fornecimento para a Bombardier de US$ 16 milhões, o que nos permitirá investir ainda mais e seguir ampliando os segmentos de atuação da MVC”, finaliza Gilmar Lima.
 
Sobre a MVC
 
A MVC iniciou suas atividades, em 1989, em São José dos Pinhais (Paraná), e atuava somente na transformação de plásticos de engenharia para a indústria automotiva. Os negócios cresceram e, em 2001, foi inaugurada a filial da MVC, em Catalão, GO.
 
Tendo a inovação tecnológica como um dos seus diferenciais, em 2003, a empresa passou a atuar também no mercado de construção civil, desenvolvendo o sistema construtivo Wall System, composto por estrutura sanduíche de lâminas em plástico reforçado com fibra de vidro e núcleo com isolamento térmico e acústico.
 
Em 2008, a empresa foi adquirida pela Artecola e deu início à ampliação de seus negócios e segmentos de atuação, que resultou em crescimento de quase 70%, com salto no faturamento de R$ 72 milhões para R$ 120 milhões (2011). Hoje, a MVC possui unidades produtivas em São José dos Pinhais (PR), Catalão (GO), Sete Lagoas (MG) e Caxias do Sul (RS), que fabricam componentes em termoplástico e termofixo nos processos de Extrusão, Vacuum Forming, RTM Light, RTM-S, RTM Integrado, Laminação Contínua, Compressão, VF Soft, VFC Light e VFC Natural. A partir de 2012, a MVC lançará mais dois novos processos, SMC de baixa pressão e Pultrusão. Em 2013 será a vez do processo de Injeção de termoplástico.  
 
Sobre a BFG International
 
Fundada em 1975 , BFG é líder de mercado no desenvolvimento e fabricação de uma ampla e diversificada linha de produtos de compósitos estruturais. A empresa desenvolve e fornece uma ampla gama de produtos, reconhecidos internacionalmente pelo elevado padrão de qualidade e valor altamente competitivo, além de também realizar projetos customizados nas mais diversas áreas de atuação.
 
Com cinco modernas unidades de produção, a BFG está presente em países como França, Bahrain, Japão e Cingapura, e possui mais de 700 funcionários, além de contar com o serviço de consultores e designers de todo o mundo para garantir que as mais recentes técnicas de fabricação são aplicadas e garantir os mais altos níveis de qualidade.
 
Especializada na concepção e produção de compósitos estruturais, com destaque para o FRP (poliéster reforçado com fibras), a BFG foi pioneira no desenvolvimento de produtos em compósitos que garantissem maior durabilidade, retenção de cor, características de retardamento de fogo e técnicas de monitoramento industrial. A empresa tem destacada presença em segmentos como aviação, construção civil, marítimo,    industrial e militar.