31 de Outubro, 2011 - 12:39 ( Brasília )

Tecnologia

São José dos Campos será novo polo de Vants

Empresários estudam parceria para desenvolver tecnologia

São José dos Campos será, nos próximos anos, um polo de desenvolvimento de Vants (Veículos Aéreos Não Tripulados) no país.

A afirmação é de empresários e pesquisadores do setor, que citam São Carlos e o ABC Paulista como outros centros dessa tecnologia.

Atualmente, duas empresas instaladas no Parque Tecnológico de São José atuam no desenvolvimento de sistemas para Vants: a Gyroflex e a Flight Technologies.

A tendência é que esse número aumente no futuro. “No Brasil, há 15 empresas e organizações que atuam no mercado de Vant. Somente em São José, são cinco projetos relacionados ao setor”, disse o gerente de programas da DCA-BR (Organização Brasileira para o Desenvolvimento da Certificação Aeronáutica), Luiz Alberto Cocentino Munaretto.

Os Vants têm sido utilizados em missões do Exército Brasileiro como no monitoramento de fronteiras e em operações como a destruição de pistas clandestinas na Amazônia.

Outra utilidades do aparelho é no controle do desmatamento em áreas de proteção ambiental. “Esse setor nunca foi tão discutido e vai ser ainda mais no futuro”, afirmou o diretor técnico da DCA-BR, Pablo Pusterla.

Encontro. A DCA-BR organizou, entre os dias 25 e 27 de outubro, no Núcleo do Parque Tecnológico, a Primeira Conferência Latino-Americana de Vants.

Especialistas de mais de 16 países estiveram reunidos para falar sobre novidades de tecnologias do setor.