13 de Julho, 2016 - 09:10 ( Brasília )

Tecnologia

SwiftBroadband-Safety da Inmarsat é escolhida pela Airbus como solução de comunicação de segurança em suas cabines de comando

Solução de segurançapara aeronaves das famílias A320 e A330 dá início aos aplicativos digitais de segurança de aviação da Inmarsat, como informação contínua para rastreamento de voos e “Caixa Preta na Nuvem”

A Inmarsat, provedora líder mundial de comunicação móvel global via satélite, anunciou hoje que seu serviço SwiftBroadband-Safety (SB-S) foi escolhido pela Airbus como solução de comunicação de suas cabines de comando para aeronaves das famílias A320 e A330.

Em um acordo inédito, o SB-S estará presente nas populares famílias Airbus A320 de corredor único e A330 de fuselagem larga. A plataforma avançada de comunicação de banda larga baseadas em IP estará disponível com equipamentos da série AVIATOR S da Cobham, escolhidos pela Airbus para entregar serviços de última geração ao setor de aviação global.
 
O SB-S marca mudança de paradigma na segurança e eficiência da aviação. Usando a rede global de satélites banda L da Inmarsat, ele oferece comunicação de dados e voz muito mais rápidas, com qualidade muito superior aos sistemas de cabine de comando existentes atualmente no mercado.
 
Essas capacidades avançadas transformarão a qualidade e a segurança da comunicação de cabines de comando, assim como as informações compartilhadas entre pilotos, controladores de tráfego e companhias aéreas, por meio de cobertura global consistente e de alta velocidade para o SB-S, assegurada pela tecnologia de satélites da Inmarsat.
 
As companhias aéreas de todo o mundo também serão beneficiados por ampla gama de inéditos aplicativos digitais, como o informação posicional contínua para rastreamento de voos, streaming de dados de voo (também conhecido como “Black Box in the Cloud“ ou Caixa Preta na Nuvem), e aplicativos “Electronic Flight Bag” para pilotos, incluindo informações de condições climáticas em formato gráfico para aprimorar a percepção da situação do momento.

A escolha do SB-S pela Airbus reforça o status da Inmarsat como fornecedor líder mundial de serviços de segurança por satélite, servindo cerca de 95% das aeronaves de longo percurso em todo o mundo.
 
A inclusão da família A320 também irá posicionar o SB-S como solução avançada Light Cockpit Satcom em aeronaves de corredor único da Airbus, modelos que representam 80% da frota comercial mundial.  A escolha foi possibilitada pelo fato de o SB-S ser entregue por meio de avançados equipamentos de bordo que tradicionalmente impactam a demanda neste mercado, como tamanho, peso e custo.
 
“Estamos muito satisfeitos com a escolha da Airbus pelo SwiftBroadband-Safety para suas famílias A320 e A330. Esta é a prova da capacidade do SwiftBroadband-Safety de entregar solução sempre conectada e segura para cabines de comando na era digital, com conectividade e confiabilidade expandidas, permitindo melhora nas operações de segurança de voo, bem como serviços mais eficientes aos passageiros. As companhias aéreas também se beneficiarão de monitoramento contínuo do desempenho e do consumo de combustível da aeronave”, afirma a comandante Mary McMillan, vice-presidente de segurança e serviços operacionais da Inmarsat Aviation.
 
“A Inmarsat vem fornecendo informações essenciais de segurança para companhias aéreas, operadores de jatos privados e agências governamentais de todo o mundo por mais de 25 anos. No passado, esses serviços eram utilizados, em sua maioria, por empresas que voavam por áreas não servidas por radar tradicional, como rotas sobre oceanos ou locais remotos. No entanto, com o crescente congestionamento de aeronaves e a necessidade de aumentar a segurança dos dados, a Inmarsat projeta a nova geração de serviços de comunicação por satélite, a fim de ampliar a gama de benefícios oferecidos”, completa a comandante.
 
A parceiro da Inmarsat, Cobham Satcom, foi escolhida pela Airbus para fornecer o equipamento do serviço SB-S a bordo das aeronaves das famílias A320 e A330. Conhecida como AVIATOR 200S e 700S, a aparelhagem possui conexão perfeita entre a cabine de comando e a extensa rede global de satélites da Inmarsat. O contrato da Cobham com a Airbus prevê o início das instalações a partir de 2018.
 
Kim Gram, Vice-Presidente de Aero Satcom da Cobham Satcom, disse: “A Inmarsat contribuiu imensamente para o avanço do nosso setor, desde o desenvolvimento da ideia original do hardware de comunicação por satélite menor e mais leve, continuando com seu trabalho influente nos grupos de padronização do setor, até a implementação final dos serviços de sua rede global de satélites”.