08 de Junho, 2015 - 12:20 ( Brasília )

Tecnologia

EUA e Japão dizem que primeiro teste de novo míssil da Raytheon é um sucesso


English version

Os Estados Unidos e o Japão anunciaram neste domingo o primeiro teste com no novo míssil SM-3 IIA da Raytheon, que está sendo desenvolvido conjuntamente pelos dois países por um custo combinado de dois bilhões de dólares.

Rick Lehner, porta-voz da Agência de Defesa de Mísseis dos EUA, afirmou que o teste realizado no sábado na região costeira da Califórnia foi um sucesso.

O SM-3 IIA é uma variante de um antecessor SM-3, que atua com o sistema de combate desenvolvido pela Lockheed Martin para destruir mísseis em rota no espaço.

Riki Ellison, que comanda uma organização sem fins lucrativos que promove a defesa de mísseis, afirmou que os dois países gastariam cerca de um bilhão de dólares cada para projetar, testar e produzir os novos mísseis.

"Esse é melhor caso do Departamento de Defesa dos EUA de financiamento e trabalho comuns com um país aliado para desenvolver um novo sistema de armas para melhor proteger a segurança nacional dos dois países”, afirmou Ellison, em comunicado.