COBERTURA ESPECIAL - Tecnologia Disruptiva - Tecnologia

27 de Setembro, 2018 - 21:45 ( Brasília )

Tecnologia Disruptiva – Caminhão opera 24h de forma autônoma

Caminhão Axor3131 da Mercedes-Benz com sistemas da Grunner, já opera de forma regular com direção autônoma na colheita da cana no interior de São Paulo



Nessa operação, o Axor traz elementos da fase 2 da operação autônoma, que intercala participação ou não do motorista

O caminhão Axor recebeu uma nova configuração com quarto eixo adicional, bitola mais larga (distância entre as rodas), pneus agrícolas de alta flutuação e antenas para captar sinal de satélite
·       
Mercedes-Benz e Grunner negociam 16 caminhões Axor com direção autônoma neste mês

O extrapesado Axor 3131 é o primeiro caminhão Mercedes-Benz com direção autônoma a ser utilizado numa operação diária regular no Brasil. Fruto de uma parceria exclusiva com a Grunner, empresa de tecnologia para o campo, esse inédito modelo fora de estrada já opera 24 horas por dia na colheita da cana-de-açúcar no interior de São Paulo, região considerada a maior produtora do País.

Esse lançamento foi anunciado por Philipp Schiemer, presidente da Mercedes-Benz do Brasil e CEO América Latina, juntamente com Stefan Buchner, chefe mundial da Mercedes-Benz Trucks, na abertura do Salão Internacional de Veículos Comerciais – IAA 2018, maior evento mundial do setor, que está sendo realizado em Hannover, na Alemanha.

“Esse inovador Axor 3131 se destaca pela tecnologia e conectividade, que desenvolvemos em conjunto com a Grunner”, informa Philipp Schiemer. “A direção autônoma é controlada por um sistema que inclui piloto automático, GPS e georreferenciamento, sendo utilizada exclusivamente nos trechos mapeados da fazenda onde acontece a colheita”.

Segundo o executivo, dois caminhões Axor 3131 já estão em operação. “Unimos o conhecimento agrícola da Grunner e a expertise da Mercedes-Benz em caminhões fora de estrada para desenvolver um produto de avançada tecnologia e excelente desempenho e produtividade no transbordo de cana picada”, afirma Philipp Schiemer. “Como resultado, a solução da Grunner é aplicada com exclusividade nos caminhões da nossa marca, que atenderam plenamente às demandas do nosso parceiro. Ou seja, não somente As estradas falam. A Mercedes-Benz ouve. A Mercedes-Benz ouve também o campo. Aliás, ela ouve, faz e entrega o produto e a tecnologia que o cliente nos pede”.

Para Stefan Buchner, chefe mundial da Mercedes-Benz Trucks, a unidade brasileira dá mais um passo decisivo rumo à introdução dos caminhões autônomos no Brasil. “Nossa equipe no Brasil desenvolveu esse excelente recurso de conectividade, que prova nossa liderança indiscutível no campo de condução e conectividade. Esse veículo mostra que a Mercedes-Benz do Brasil está no caminho certo. Nossa equipe está preparada para a chegada de tecnologias avançadas - quando o mercado estiver pronto e os clientes solicitarem esses recursos, estaremos prontos para entregar”.

“A operação do Axor com direção autônoma reforça o compromisso da Mercedes-Benz na introdução de novas soluções para os clientes no mercado brasileiro”, diz Philipp Schiemer. “Estamos alcançando assim um novo marco histórico no desenvolvimento de caminhões no Brasil”.

Operação já vem sendo realizada 24 horas por dia

O novo Axor 3131 atua lado a lado com as colhedoras de cana, também de condução autônoma, que fazem a colheita e o corte, já lançando a cana picada diretamente na carroçaria do caminhão. A velocidade média dos veículos gira em torno de 6 km/h na área da colheita.

Terminado o carregamento, o motorista assume o controle do Axor para a etapa de transbordo aos treminhões, ou seja, o descarregamento da carga nos caminhões de maior capacidade, que completam o ciclo de transporte levando a cana às usinas de açúcar e etanol.

“Essa operação inédita realizada com o Axor 3131 de direção autônoma vem ocorrendo durante 24 horas por dia na Agro Cana Caiana, na região de Lençóis Paulista”, informa Roberto Leoncini, vice-presidente de Vendas e Marketing Caminhões e Ônibus da Mercedes-Benz do Brasil. “A utilização de caminhão, em substituição a tratores, agiliza o processo de transbordo dentro das fazendas, trazendo mais produtividade, menos consumo de combustível e menor custo operacional”.

De acordo com o executivo, a solução é tão eficiente e rentável que já começou a conquistar outros clientes do setor canavieiro. “Mais 16 caminhões Axor 3131 de direção autônoma foram negociados neste mês para realizar a operação de colheita de cana, o que já é o primeiro fruto da parceria da Mercedes-Benz com a Grunner”, destaca Roberto Leoncini.

Aumento da produtividade no campo e muitas outras vantagens

De acordo com Mateus Belei, sócio-proprietário da Agro Cana Caiana e diretor comercial da Grunner Tec, aumentar a produtividade no campo é um grande desafio das empresas do setor.

“Depois de vários estudos, chegamos à conclusão de que o caminhão é a melhor solução para acompanhar a colhedora na colheita da cana. O veículo nos dá mais agilidade no transbordo do que um trator e exige menor custo operacional. Além disso, aplicamos no caminhão a tecnologia da direção autônoma, o que trouxe muito mais precisão ao processo de colheita e transbordo”, explica Mateus Belei. “Para fechar o pacote com chave de ouro, aplicamos a tecnologia no Axor 3131, contando com a parceria da Mercedes-Benz na criação do caminhão para essa aplicação. O resultado foi espetacular”.

A central de operações da Agro Cana Caiana cria, em seus computadores, as rotas de produção por meio de georreferenciamento, controlando a colhedora e o caminhão no campo via satélite. “Com alta precisão de centímetros, o caminhão só circula por onde o sistema indica, aumentando assim a produtividade da operação. Com uma bitola maior, até 3 metros, o caminhão opera sem passar por cima das áreas de plantio, preservando o solo e os brotos das futuras plantas”, completa Henrique Belei, sócio-proprietário da Agro Cana e diretor de engenharia da Grunner Tec.

“Para se ter uma ideia, na safra 2017/2018, a produtividade média da Agro Cana Caiana saltou para 117 toneladas por hectare, frente a 69 toneladas por hectare das safras anteriores. Temos alcançado um aumento gradativo de produtividade desde 2011”, informa Henrique. “Ou seja, em apenas uma safra, a atual, nós conseguimos praticamente o resultado de duas quando consideramos a média de produtividade dos últimos anos”.

Henrique Belei aponta muito mais ganhos com o Axor 3131 com direção autônoma em relação aos tratores: até 50% de redução no consumo de combustível, 40% a menos no consumo de lubrificantes e 30% a menos no custo de reparo e manutenção.

Configuração do Axor com direção autônoma garante mais produtividade
A Engenharia de Vendas da Mercedes-Benz teve um papel fundamental na criação de uma nova configuração do Axor 3131 para que o caminhão operasse com eficiência nas usinas de cana conectado ao sistema de direção autônoma da Grunner. O objetivo também foi oferecer um modelo dedicado a essa aplicação para assegurar maior capacidade de carga e reduzido consumo de combustível.

Itens do Axor 3131 com direção autônoma

 

-  Antenas do GPS georreferenciado.
-  Piloto automático integrado ao GPS para a direção autônoma.
-  Display do sistema GPS junto ao painel de instrumentos do motorista.
- Instalação de 2º eixo direcional na parte dianteira, tornando o veículo, que sai de fábrica na versão 6x4, num caminhão canavieiro 8x4, com mais capacidade de carga e mais estabilidade. Aumento da capacidade de carga líquida para 40 m³ (18 toneladas): 4 transbordos completam a carga de um treminhão.
- Adequações para o alongamento das bitolas dianteira e traseira para 3 metros.
- Suspensão mista (metálica/pneumática) na dianteira e na traseira. A suspensão auxiliar pneumática realiza o nivelamento automático do caminhão em lugares com declive, aumentando a estabilidade do veículo e proporcionando mais segurança à operação.
- Pneus de alta flutuação, ideais para evitar compactação do solo nas operações no canavial.
- Grade de proteção dianteira.
- Protetor de cárter.
- Kit de proteção contra palha no motor, câmbio e caixa de bateria.

 


Outras coberturas especiais


Venezuela

Venezuela

Última atualização 12 DEZ, 21:36

MAIS LIDAS

Tecnologia Disruptiva