COBERTURA ESPECIAL - Especial Espaço - Tecnologia

19 de Junho, 2012 - 03:14 ( Brasília )

Em parceria com empresa, FAB nacionaliza carga útil de foguete VSB-30


O Departamento de Ciência e Tecnologia (DCTA) e o Instituto de Aeronáutica e Espaço (IAE) visitaram (15/06) as instalações da Empresa Orbital Engenharia, em São José dos Campos (SP), com o intuito de conhecer o primeiro protótipo da Plataforma Suborbital de Microgravidade (PSM), carga útil desenvolvida por meio de parceria com a empresa, como parte dos projetos em desenvolvimento para a nacionalização de um foguete completo voltado para pesquisas em microgravidade.

A partir deste protótipo o IAE iniciará um conjunto de testes na PSM com o intuito de aprovação do projeto e desenvolvimento de um modelo para voos de certificação para operação no Programa Brasileiro de Microgravidade.

Atualmente o Brasil utiliza nos seus experimentos em microgravidade carga útil desenvolvida pela agência espacial alemã (DLR), que é integrada ao foguete brasileiro VSB-30. Após os futuros testes e certificações exigidas, o país contará com um foguete para experimentos em ambiente de microgravidade totalmente brasileiro.

O projeto da PSM, subvencionado pela Financiadora de Estudos e Projetos (FINEP) e desenvolvido pelo IAE em conjunto com a Empresa Orbital Engenharia, vem sendo desenvolvido a cinco anos utilizando-se os mais modernos sistemas de controle de voo e de gerenciamento de veículo, aliados a baixo custo de produção e irrestrita oferta de seus componentes no mercado mundial.