COBERTURA ESPECIAL - Especial Espaço - Tecnologia

06 de Maio, 2019 - 12:40 ( Brasília )

ArianeGroup lança produção de 14 lançadores Ariane 6


A sociedade ArianeGroup anunciou nesta segunda-feira (6) o lançamento da produção dos primeiros 14 veículos de lançamento Ariane 6, que ficarão prontos entre 2021 e 2023, em paralelo com os últimos Ariane 5.

"Este é um passo decisivo para o programa Ariane 6", declarou à AFP Stéphane Israel, presidente-executivo da Arianespace, empresa responsável pela comercialização do produto.

O voo inaugural do novo lançador europeu está previsto para o segundo semestre de 2020.

Os primeiros Ariane 6 da série vão sair das fábricas da ArianeGroup no início de 2021.

"Nossos clientes esperam o Ariane 6 com impaciência", assegurou o CEO da ArianeGroup, André-Hubert Roussel.

Estes 14 lançadores serão produzidos em fábricas do ArianeGroup na França e na Alemanha, assim como nas de seus parceiros industriais europeus, nos 13 países que participam do programa Ariane 6.

Este ambicioso programa da Agência Espacial Europeia (ESA) tem como objetivo fornecer à Europa um foguete mais competitivo do que o atual Ariane 5, contra a intensa concorrência da SpaceX, a empresa norte-americana fundada por Elon Musk.

Durante uma reunião do conselho da ESA em 17 de abril, os países-membros da agência concordaram em se comprometer com os lançamentos institucionais da fase de transição entre o Ariane 5 e o Ariane 6.

Para além de três encomendas institucionais do Ariane 6 já contratadas, a ESA concordou em garantir quatro outros lançamentos, abrindo caminho para o lançamento da produção da primeira série Ariane 6 pela indústria europeia.

Durante este período de transição, serão produzidos os últimos oito Ariane 5.


VEJA MAIS