COBERTURA ESPECIAL - Especial Espaço - Tecnologia

23 de Setembro, 2011 - 08:46 ( Brasília )

Brasil e Índia: a busca da cooperação espacial


A busca de formas e campos de cooperação entre as duas potências emergentes foi o foco de reunião entre o embaixador da Índia, B. S. Prakash, e o presidente da Agência Espacial Brasileira, Marco Antônio Raupp. As duas potências emergentes precisam definir formas e campos de cooperação espacial. A plena consciência dessa crescente necessidade ficou clara na visita do embaixador da Índia, B. S. Prakash, ao presidente da Agência Espacial Brasileira, Marco Antônio Raupp, nesta terça-feira (20).

 Ficou acertado delinear, até o final do ano, os campos concretos da colaboração a ser efetivada, com base em interesses mútuos e na participação de empresas dos dois países. Acordou-se também dedicar especial atenção nas próximas reuniões ao programa de Satélites IBAS, aprovado pelo fórum Índia, Brasil e África do Sul. As características técnicas desses satélites já começaram a ser desenvolvidas.

Uma visita da presidente Dilma Rousseff à Índia está prevista, em princípio, para fevereiro próximo. O principal compromisso ora assumido pelo Presidente da AEB e pelo embaixador da Índia é de preparar uma proposta que atenda às necessidades reais de ambos os países em áreas como observação da Terra, telecomunicações por satélite e preparação de recursos humanos em alta qualificação na área espacial.

O embaixador B. S. Prakash presenteou Marco Antonio Raupp com o livro "India 2020 - A Vision for the New Millenium", dos renomados cientistas indianos A. P. J. Abdul Kalam e Y. S. Rajan. O livro tem como epígrafe uma referência válida para a ocasião: "se aqueles que pensam alcançar algo têm um propósito firme e bem definido, eles haverão de realizar o que pensam e até mesmo na forma como pensam".