COBERTURA ESPECIAL - Especial Espaço - Aviação

02 de Junho, 2017 - 10:20 ( Brasília )

Representantes da área espacial se reúnem para debater andamento de projetos e agenda anual


Ten Andreza Aarão / Ten Gabrielli Dala Vechia


Profissionais envolvidos na área espacial estão reunidos no Centro de Lançamento de Alcântara (CLA), durante toda esta semana, para a primeira reunião de 2017 do Grupo Interfaces de Lançamento. A atividade, que ocorre periodicamente, envolve representantes do Departamento de Ciência e Tecnologia Aeroespacial (DCTA), Instituto de Aeronáutica e Espaço (IAE), Centro de Lançamento da Barreira do Inferno (CLBI), Instituto de Fomento e Coordenação Industrial (IFI), Agência Espacial Brasileira (AEB) e do próprio CLA, para debater o andamento de projetos espaciais e a agenda de lançamentos para o ano.

Para 2017, estão previstos quatro lançamentos no CLA. A principal operação do ano será a Mutiti, que prevê o lançamento de um foguete VS-30 com experimentos científicos e tecnológicos como carga útil, em novembro.

Na reunião, também serão abordados assuntos sobre o Veículo Lançador de Microssatélite e veículos VS-50, VS-43 e VBS-43. Serão apresentados, também, resultados da Operação Rio Verde, realizada em 2016, além de questões orçamentárias.

"A reunião do GIL é o momento ideal para reforçarmos os elos entre os atores envolvidos na questão espacial, além de permitir a demonstração de que os meios operacionais do Centro estão em constante modernização e em pleno funcionamento", disse o Diretor do CLA, Coronel Engenheiro Luciano Valentim Rechiuti.

GIL - O Grupo de Interfaces de Lançamento é regulado pela Instrução do Comando da Aeronáutica 60-1 e se reúne até três vezes ao ano para discutir, dar encaminhamentos e propor soluções para o andamento da atividade espacial no Brasil.


Leia também:

Alcântara está pronto para uso, diz ministro [Link]

Brazilian rocket launch center ready [Link]