COBERTURA ESPECIAL - Especial Espaço - Tecnologia

19 de Abril, 2013 - 09:44 ( Brasília )

Os satélites militares de comunicações seguras da Astrium agora cobrem o mundo

O lançamento do Anik G1 e a entrada em serviço do Skynet 5D fazem da Astrium Services a única empresa comercial dona de uma constelação de satélites militares de comunicação de banda X com cobertura quase global

A Astrium, empresa líder na Europa em tecnologias espaciais, em breve será capaz de oferecer uma cobertura quase global em banda X, com a bem sucedida entrada em serviço do Skynet 5D e o lançamento do satélite Anik G1, da Telesat, com hosted payload nesta banda.

Evert Dudok, CEO da Astrium Services disse: "Nós somos a única operadora no mundo a fornecer uma cobertura quase global reservada exclusivamente para o uso governamental e militar. Alcançando de 180 graus Oeste a 135 graus Leste, com 75 transponders de banda X, nossa constelação possui um total de 2.2 GHz - e agora nós oferecemos mais capacidade disponível para nossos clientes".

A Astrium Services tem um contrato de 15 anos com a Telesat para uso exclusivo da hosted payload de banda X. O satélite Anik G1, lançado no dia 16 de abril a partir da base de Baikonur, deverá ser posicionado a 107,3 ??graus Oeste. Ele irá fornecer a primeira cobertura comercial em banda X sobre as Américas do Norte e Latina, com uma cobertura substancial do Oceano Pacífico, alcançando o Havaí e a Ilha de Páscoa..

No dia 2 de abril, a Astrium colocou em serviço com êxito o seu satélite Skynet 5D após o seu lançamento  por meio de um Ariane 5, em dezembro de 2012. Ele foi posicionado sobre o Oriente Médio a 53 graus Leste - tomando o lugar do Skynet 5B - tornando-se o mais ativo satélite militar de comunicação da Astrium Services. Seus tanques de combustível maiores lhe permitirão ser reposicionado com mais freqüência para atender às necessidades operacionais.

A frota Skynet agora compreende oito satélites: Skynet 5A, 5B, 5C e 5D, combinados com três satélites Skynet 4 (C, E e F) e um satélite NATO IV (veja abaixo as posições orbitais). Os 10 canais UHF no Skynet 5D já foram totalmente vendidos para clientes, incluindo o Harris CapRock e o Ministério da Defesa da Holanda.

O Skynet 5 é um grande sucesso do programa PFI (Iniciativa Financeira Privada) no valor de 4 bilhões de Libras Esterlinas, assinado em outubro de 2003 com o Ministério da Defesa britânico. Por meio da concessão Skynet, a Astrium Services opera a constelação de satélites militares Skynet e a rede de solo para fornecer todas as comunicações Beyond Line of Sight (BLOS), além do horizonte, para o Ministério da Defesa britânico.

A PFI permitiu à Astrium Services também prestar serviços de comunicação via Skynet para outras instituições governamentais, incluindo o Gabinete do Governo do Reino Unido e as forças armadas de outras nações, como EUA, Canadá, Austrália e também à OTAN.

O coronel Justin Hodges, Chefe-Adjunto do time Beyond Line of Sight (BLOS), da Organização de Defesa, Equipamentos e Apoio, do Ministério de Defesa, disse: "A entrada em serviço do Skynet 5D é outro marco significativo neste programa de sucesso. Ele marca o ápice de uma década de trabalho duro da equipe ISS Networks  do Ministério da Defesa e da Astrium para fornecer capacidade adicional de comunicações para as Forças Armadas”.     

Posições orbitais dos satélites:

§ Skynet 4C – 1 grau Oeste

§ Skynet 4E – 33 graus Leste

§ Skynet 4F – 34 graus Oeste

§ NATO IVB – 35 graus Leste

§ Skynet 5A – 6 graus Leste

§ Skynet 5B – 25 graus Leste

§ Skynet 5C – 17.8 graus Oeste

§ Skynet 5D – 53 graus Leste

§ Anik G1 – 107.3 graus Oeste

 

A Astrium, protagonista absoluta da indústria aeroespacial europeia e terceiro maior nome do setor no plano internacional, é a única empresa no mundo a operar em todos os segmentos relacionados com sistemas, equipamentos e serviços aeroespaciais nas áreas civil e militar.

Em 2012, a Astrium obteve um faturamento superior a 5,8 bilhões de euros, com 18 mil funcionários atuando em todos os continentes. Suas operações se focalizam em três principais setores e são desenvolvidas pelas seguintes divisões:

- Astrium Space Transportation, responsável pela realização de lançadores, sistemas orbitais e exploração espacial;
- Astrium Satellites, um dos maiores fornecedores de soluções em sistemas satelitais, como satélites, segmentos de solo, cargas úteis e equipamentos;
- e Astrium Services, parceira na prestação de serviços espaciais para missões críticas e fornecedora de soluções fixas e móveis completas, incluindo satcoms, redes comerciais de alta segurança, ou ainda serviços de geoinformação sob medida para todas as regiões do mundo.

A Astrium é uma filial do grupo EADS, líder mundial do setor de aeronáutica, espacial, defesa e serviços associados. Em 2012, o grupo – que reúne as empresas Airbus, Astrium, Cassidian e Eurocopter – gerou faturamento de 56,5 bilhões de euros, com mais de 140 mil funcionários.