31 de Maio, 2011 - 10:44 ( Brasília )

Segurança

Bope vai ocupar Mangueira em junho

Instalação de unidade de polícia pacificadora fecha circuito planejado para a Copa de 2014 e a Olimpíada de 2016

Pedro Dantas

O governo do Rio anunciou que o Batalhão de Operações Policiais Especiais (Bope) vai ocupar em meados de junho o Morro da Mangueira para instalação de uma Unidade de Polícia Pacificadora (UPP). Com a ocupação da favela localizada a 2 quilômetros do Estádio do Maracanã, na zona norte da cidade, será fechado o cinturão de UPPs planejado para a Copa do Mundo de 2014 e a Olimpíada de 2016.

Segundo o comandante do Bope, tenente-coronel Wilman Rene Alonso, a divulgação da ocupação é parte de uma estratégia de "guerra avisada". "O objetivo é diminuir a possibilidade de confrontos." Ontem, em redes sociais, moradores comentavam que os traficantes já saíram da favela. A estimativa é que pelo menos 250 homens ocupem a Mangueira, além dos morros vizinhos - do Tuiuti e dos Telégrafos. A Mangueira será a 18.ª UPP e a 25.ª favela pacificada. Desde o dia 19, o Bope tem feito incursões na Mangueira. Na primeira operação, policiais descobriram um túnel para fugas. No dia seguinte, apreenderam 34 motos e seis carros roubados. No dia 21, um traficante morreu e seis pessoas foram presas em baile funk.

Prazo. O governo adiou para o segundo semestre UPPs nos complexos do Alemão e da Penha. O prazo inicial era o primeiro semestre.


A MANGUEIRA POR DENTRO

Localizada perto do antigo Palácio Imperial, o Morro da Mangueira abriga 13 mil habitantes e a tradicional escola de samba Estação Primeira de Mangueira. No ranking municipal de Índice de Desenvolvimento Humano, ocupa a 94.ª de 126 posições.