COBERTURA ESPECIAL - Panorama Haiti - Segurança

18 de Outubro, 2012 - 09:35 ( Brasília )

17º Grupamento Operativo de Fuzileiros Navais-Haiti é ativado


Em 15 de outubro, no Pátio Brigada Real de Marinha, no Comando da Divisão Anfíbia, Ilha do Governador (RJ), ocorreu a Cerimônia de Ativação do 17º Grupamento Operativo de Fuzileiros Navais-Haiti. Cerca de 250 militares foram efetivados para atuar na Missão das Nações Unidas para a Estabilização do Haiti (MINUSTAH), a partir de 4 de novembro, quando iniciará o revezamento de Tropas de Fuzileiros Navais naquele país.

Por seis meses, os militares passaram por uma preparação que envolveu vários adestramentos, como o treinamento em primeiros socorros, controle de distúrbios, patrulhas mecanizadas e a pé, “check points” (posto de controle de trânsito), controle de comboio, segurança de autoridade, realização de Ação Cívico Social, ocupação e operação de Ponto Forte.

A Marinha do Brasil participa da MINUSTAH desde o seu início, em 2004. Participaram dessa Missão de Paz, mais de quatro mil militares da Força.