COBERTURA ESPECIAL - Panorama Haiti - Geopolítica

22 de Junho, 2013 - 13:39 ( Brasília )

BRABAT 18 - Chegam tropas canadenses que serão incorporadas à brasileira




Porto Príncipe – Haiti- Em 21 de junho, às 17:20 hs, horário local, a bordo de aeronave C130 Hércules da Força Aérea Canadense, 32 militares canadenses desembarcaram no Aeroporto internacional Toussaint Louverture e incorporaram às tropas brasileiras, completando o efetivo do Batalhão de Infantaria de Força de Paz do 18º Contingente Brasileiro (BRABAT18).Outros dois militares já haviam chegado em 18 de junho. O efetivo canadense constituirá o 4º Pelotão da 4ª Companhia de Fuzileiros de Força de Paz. Quatro militares serão integrantes do Estado-Maior do Batalhão Brasileiro.

A tropa canadense é oriunda do 22º Regimento Real do Exército Canadense, que tem sua base na cidade de Quebec, Canadá.

A participação canadense em missão de Paz com o Brasil foi regulada em Memorando de Entendimento assinado entre os Governos Canadense e Brasileiro em 7 de junho em Nova York.

De acordo com o memorando de entendimento, o pelotão canadense estará sob controle operacional do BRABAT18 e cumprirá, dentre outras, as seguintes missões: patrulhas a pé e motorizadas, segurança de instalações e comboios, apoio logístico, operações de isolamento de área, Forças de Reação Rápida e operações de Cooperação Cívico-Militar (CIMIC).

Pela primeira vez na história, tropas brasileiras e canadenses atuarão de forma conjunta em operações militares, propiciando, além do intercâmbio de experiências em operações de paz e a colaboração mútua, um maior grau de conhecimento e interoperabilidade entre as Forças. Essa atividade em prol da paz e segurança internacional se constitui em um marco na cooperação regional.

O Batalhão de Infantaria de Força de Paz do 18º Contingente Brasileiro (BRABAT 18) é formado por 856 militares do Exército Brasileiro, 244 da Marinha do Brasil, 34 da Força Aérea Brasileira, 34 do Exército Canadense, 31 das Forças Militares do Paraguai e 01 do Exército Boliviano, perfazendo um efetivo total de 1.200 militares. Dos 856 do Exército Brasileiro, 224 são do Estado do Mato Grosso, sendo 144 de Cuiabá, e 499 são do Mato Grosso do Sul.

A missão da tropa brasileira é realizar operações de manutenção da paz na sua área de responsabilidade, a fim de contribuir com a MINUSTAH na manutenção de um ambiente seguro e estável no Haiti e no apoio às atividades de assistência humanitária e de fortalecimento das instituições nacionais.

A tropa do BRABAT18 é formada integralmente por voluntários que passaram por criteriosa e rigorosa seleção em suas Unidades.

As Forças Armadas Brasileiras estão no Haiti desde Junho de 2004, integrando a Missão das Nações Unidas para a Estabilização do Haiti, sigla em inglês MINUSTAH. Desde então, mais de 20.000 militares brasileiros já passaram pela missão.