COBERTURA ESPECIAL - Pacífico - Geopolítica

14 de Abril, 2020 - 11:10 ( Brasília )

Navio da Marinha dos EUA transita pelo Estreito de Taiwan no mesmo dia de exercícios de caças chineses


Um destróier de mísseis guiados da Marinha dos Estados Unidos navegou pelo sensível Estreito de Taiwan na última sexta-feira, disseram os militares dos EUA e de Taiwan, no mesmo dia em que os caças chineses sobrevoaram águas próximas à ilha governada democraticamente.

A China, que considera Taiwan de seu domínio, tem ficado irritada com o apoio intensificado do governo de Donald Trump à ilha, com ações que incluíram mais vendas de armas, patrulhas dos EUA nas proximidades e uma visita a Washington pelo vice-presidente eleito, William Lai, em fevereiro.

Taiwan e China também estão envolvidas em uma briga amarga sobre a falta de adesão à Organização Mundial de Saúde durante o surto de coronavírus, por causa das objeções de Pequim, que a considera apenas uma província chinesa.

A frota do Pacífico dos EUA deu nome ao navio que navegava pelo estreito de Taiwan de Arleigh Burke, da classe USS Barry.

Também na sexta-feira, Taiwan disse que os bombardeiros chineses H-6 e caças J-11 realizaram novamente exercícios acima das águas a sudoeste. A força aérea de Taiwan acompanhou as operações de perto.

Taiwan tem reclamado repetidamente das pressões militares pela China durante a crise do vírus.
 

Artigo relacionado:  

China torpedeia a Sétima Frota Americana com o COVID-19 [Link]


VEJA MAIS