COBERTURA ESPECIAL - OTAN - Geopolítica

04 de Dezembro, 2019 - 11:50 ( Brasília )

Putin critica expansão da OTAN antes de cúpula da aliança militar em Londres


O presidente da Rússia, Vladimir Putin, criticou nesta terça-feira a expansão contínua da Organização do Tratado do Atlântico Norte (OTAN), algo que sugeriu ser despropositado dada a ausência de qualquer ameaça da parte de Moscou após o colapso da União Soviética em 1991.

Durante uma reunião entre líderes militares russos em Sochi, Putin disse que a expansão da OTAN oferecia uma ameaça ao país, mas acrescentou que espera que um interesse compartilhado em segurança comum prevalecesse.

Apesar das tensões, Putin afirmou que a Rússia continua pronta a cooperar com a aliança militar.

As declarações de Putin foram feitas enquanto o presidente dos Estado Unidos, Donald Trump, atacava aliados europeus antes da cúpula de aniversário da OTAN em Londres, criticando o francês Emmanuel Macron por seus comentários “muito sórdidos” sobre a aliança e a Alemanha por investir em defesa menos do que a meta.

Kremlin diz que plano de gastos da OTAN confirmam seus temores com a aliança



O Kremlin disse nesta quarta-feira que os relatos de que a Organização do Tratado do Atlântico Norte (OTAN) planeja elevar seus gastos com defesa mostram que a Rússia está certa em estar preocupada sobre o que disse ser a expansão da aliança militar ocidental para o leste e sobre sua política de tentar conter a Rússia.

“Vemos que a OTAN promove ações que visam a contenção e a expansão em relação ao nosso país. Isso pode apenas gerar nossa preocupação”, disse o porta-voz do Kremlin Dmitry Peskov a jornalistas em uma conferência telefônica.

Ele disse que a Rússia não será arrastada para uma custosa corrida armamentista, apesar do comportamento da OTAN.

 


VEJA MAIS



Outras coberturas especiais


Brasil - China

Brasil - China

Última atualização 06 ABR, 02:30

MAIS LIDAS

OTAN