17 de Janeiro, 2014 - 08:00 ( Brasília )

DN - Marinha Lança o SisGAAz - Mauricio Aveiro Assume VP EMBRAER


 

Edição 01/2014 - 17 Janeiro 2014

www.defesanet.com.br

 

O mais importante portal especializado em
Defesa, Estratégia, Inteligência & Segurança
da América Latina
Mundo Corporativo

Mauricio Aveiro, BRADAR, assumirá a Vice-Presidência de Relações Institucionais da EMBRAER em substituição a Jackson Schneider, em 31 de Janeiro
Jackson Schneider assumira a presidência da EMBRAER Defesa e Segurança, em 31 de Janeiro.
Caio Bonilla, TELEBRAS, se retirará por motivos de saúde, antes do término de sua gestão que encerra em 4 meses.

Exclusivo - Entrevista com Paulo Gastão,
Diretor do Programa KC-390

Entrevista com Paulo Gastão, Diretor do Programa KC-390 EMBRAER Defesa e Segurança São José dos Campos – SP. O Programa KC-390 analisado e detalhado pelo seu Diretor. O mais importante e maior projeto da EMBRAER em seus mais de 40 anos.

Exclusivo - Entrevista com Paulo Gastão, Diretor do Programa KC-390 Link

SisGAAz I

Nesta sexta-feira (17JAN14), a Marinha do Brasil, por meio da Diretoria de Gestão de Programas Estratégicos da Marinha (DGePEM), promove um seminário para divulgação do Pedido de Proposta do Sistema de Gerenciamento da Amazônia Azul (SisGAAz).

 O evento será realizado a partir das 10h, na Escola de Guerra Naval (Av. Pasteur, 480, Urca, Rio de Janeiro), com apresentação, pelo Diretor da DGePEM, Vice-Almirante Antonio Carlos Frade Carneiro.

DGePEM - Seminário sobre Sistema de Gerenciamento da Amazônia Azul - SisGAAz Link

SisGAAz II

O evento marcará a apresentação do Programa SisGAAz para as empresas e consórcios que poderão participar do processo de seleção, cujas propostas devem ser apresentadas até julho deste ano.

Uma comissão designada pela Marinha do Brasil avaliará as propostas. A implementação do SisGAAz está programada para ocorrer em quatro módulos seqüenciais – a estimativa é que o programa seja implementado em 10 anos.

SisGAAz III

O SisGAAz foi concebido para garantir que a riqueza existente nos mares do Brasil seja devidamente protegida. Dessa forma, o projeto tem por objetivo monitorar e controlar a imensa área conhecida como Amazônia Azul. O espaço corresponde a 4,5 milhões de quilômetros quadrados, que se estende até 350 milhas náuticas (648 km) da sua costa, e 200 milhas náuticas em torno de suas ilhas oceânicas, representando cerca de metade da área territorial do País.

Elevado Rio Grande

O Serviço Geológico do Brasil (CPRM) apresentou à Autoridade Internacional dos Fundos Marinhos (ISBA), plano de trabalho para exploração mineral de uma área de 3 mil km² localizada em águas internacionais do Atlântico Sul, numa região conhecida como Elevado do Rio Grande, situada a mais de 1.500 km da costa brasileira.

A proposta brasileira que foi encaminhada à ISBA no dia 31 de dezembro, foi elaborada com base nos dados coletados pelo Programa de Prospecção e Exploração de Recursos Minerais da Área Internacional do Atlântico Sul e Equatorial (PROAREA), que está sendo desenvolvido

pela CPRM, com a finalidade de ampliar a presença do Brasil em águas internacionais do Atlântico Sul.

Atlântico Sul - Brasil apresenta proposta para exploração mineral Link

Curta a FanPage DefesaNet no FaceBook


Facebook Fanpage - Agora você pode acompanhar o Defesanet no Facebook com novidades tecnológicas e as principais notícias sempre atualizadas. Imagens, fotos e comentários, você pode fazer parte de tudo isso ativamente.

Curta a nossa Fanpage! Clique aqui

DGePEM

O Diretor da DGePEM (Diretoria da Gestão dos Projetos Estratégicos da Marinha), Vice-Almirante Antonio Carlos Frade Carneiro, em entrevista para o Informe ABIMDE  fala sobre os planos e as expectativas da Marinha do Brasil  para as próximos anos.

A Marinha do Brasil passa por um momento de renovação, não apenas de equipamentos, mas também no que se refere à sua participação nos grandes projetos estratégicos que estão em desenvolvimento pelo governo, como o: Programa de Obtenção de Navios-Aeródromos (ProNAe), o Programa de Obtenção de Navios-Anfibios (ProNAnf), o SisGAAz (Sistema de Gerenciamento da Amazônia Azul), entre outros.

MB - Entrevista VA Frade - Diretoria da Gestão dos Projetos Estratégicos da Marinha Link

Seminário Segurança para Copa do Mundo 2014 e Olimpíadas 2016

A Suntech, empresa provedora de tecnologia sediada em Florianópolis/SC, realiza o “Seminário de Estratégias de Defesa, Segurança e Inteligência para Grandes Eventos”, voltado exclusivamente para autoridades e representantes de órgãos de segurança e inteligência de todo o país.

Nos dias 4 e 5 de fevereiro, em Brasília/DF, o evento vai reunir autoridades de várias partes do Brasil para discutir sobre os projetos de segurança para grandes eventos que serão realizados no país, como a Copa do Mundo de 2014 e as Olimpíadas 2016, bem como as ameaças que serão enfrentadas: manifestações populares, torcedores violentos, crime organizado e ameaças terroristas.

Mais detalhes Seminário Segurança para Copa do Mundo 2014 e Olimpíadas 2016 Link

KMW inicia obras

Começou na segunda-feira (13JAN14), desta semana, a ser erguida a fábrica de blindados da empresa alemã KMW, em  Santa Maria (RS). A unidade do grupo alemão Krauss-Maffei Wegmann (KMW), destinada a atender a América do Sul, deve ficar pronta em apenas seis meses. A partir do segundo semestre deste ano, a empresa dará início à primeira fase do seu investimento no Brasil, com a manutenção de veículos Leopard Exército.

KMW - Começa obra da fábrica de blindados em Santa Maria Link

 

Defesa Antiaérea - Uma decisão realista

A escolha dos sistema de defesa antiaérea russos pelo Brasil é comentada no artigo “Defesa Antiaérea - Uma decisão realista”  Os requerimentos militares precisam ser realistas. De nada adianta estabelecer metas que não serão cumpridas facilmente em situação de crise. O primeiro ponto é avaliar quais são os principais riscos à defesa do país. O segundo envolve a melhor maneira de enfrentá-los. Para um país com problemas orçamentários a flexibilidade é outro ponto importante.

Os sistemas necessitam cumprir várias funções adequadamente e serem capazes de autoproteção. O caso dos requerimentos para o fornecimento de três baterias de mísseis antiaéreos de médio alcance para as Forças Armadas brasileiras é emblemático.

Defesa Antiaérea - Uma decisão realista Link

Argentina - KFIR Block 60?

O governo do Premiê David Cameron exige receber de Israel uma descrição pormenorizada dos sistemas – eletrônicos e de motorização – a serem embarcados nos 18 caças Kfir Block 60, que a IAI (Israel Aerospace Industries) tenciona transferir, no início de 2015, para a Força Aérea Argentina.

Roberto Lopes – EXCLUSIVO: Londres exige que Tel-Aviv diga como serão os Kfirs argentinos Link

EMBRAER Entregas em 2013

A Embraer S.A. entregou 32 jatos comerciais e 53 executivos durante o quarto trimestre de 2013 (4T13), encerrando o ano com 90 aeronaves entregues para o mercado de aviação comercial e 119, sendo 90 jatos leves e 29 jatos grandes, para o de aviação executiva.

EMBRAER - 90 jatos comerciais e 119 executivos entregues em 2013 Link

Canais DefesaNet
Facebook Fanpage Link
You Tube http://www.youtube.com/defesanet
Twitter http://twitter.com/defesanet

Para receber o DN inscreva-se na página inicial do DefesaNet