31 de Julho, 2012 - 10:40 ( Brasília )

Marinha do Brasil apoia equipe do Ministério das Relações Exteriores no Alto Solimões


No período de 20 a 30 de junho, a Marinha do Brasil, por intermédio da Capitania Fluvial de Tabatinga, apoiou equipe composta por quatro representantes da Primeira Comissão Brasileira Demarcadora de Limites do Ministério das Relações Exteriores, durante a realização de inspeção e levantamento cartográfico no entorno das ilhas do Cleto, Islândia e Aramaçá, situadas na região norte do País, na área de fronteira do Brasil com Peru e Colômbia.
 

No dia 05 de julho, o engenheiro-cartógrafo Dauberson Monteiro da Silva, Encarregado da Comissão, ministrou palestra sobre o trabalho realizado na “Fronteira Norte”, e apresentou um breve histórico sobre a definição das fronteiras brasileiras e das dificuldades dos primeiros demarcadores na Região Amazônica. Na ocasião, o palestrante destacou a importância do apoio prestado pela Marinha no processo da correta definição das linhas de fronteira terrestres e marítimas.
 

A palestra marcou o término da participação da Marinha nessa inspeção, que contribuiu para a manutenção dos marcos de fronteira, tarefa iniciada no século XVI e mantida até os dias atuais. Além disso, a atividade de inspeção realizada fortaleceu a integração dos órgãos da administração federal em torno de um propósito comum, a manutenção da Soberania Nacional.