21 de Outubro, 2011 - 12:45 ( Brasília )

Esquadra brasileira realiza Operação ''Vigiar Atlântico'' na área marítima entre o Amapá e o Maranhão


Entre os dias 1º e 18 de novembro deste ano, a Esquadra brasileira e o Comando do 4º Distrito Naval participarão da Operação “Vigiar Atlântico 2011”, empregando meios navais e aeronavais na área marítima compreendida entre os Estados do Amapá e do Maranhão.

A Operação tem o propósito de realizar Patrulha Naval nas Águas Jurisdicionais Brasileiras, implementar ações de presença nessas áreas marítimas e importantes pontos da “Amazônia Azul” e incrementar o adestramento em ação de Interdição Marítima. O Grupo-Tarefa 710.2, responsável pela execução da Operação, será composto pela Fragata “Independência” (F-44), subordinada ao Comando da Força de Superfície e sediada na Base Naval do Rio de Janeiro; e pelos Navios-Patrulha “Bocaina” (P-62) e “Guanabara” (P-48), subordinados ao Comando do Grupamento de Patrulha Naval do Norte e sediados na Base Naval de Val-de-Cães.

O Grupo-Tarefa 710.2, que será comandado pelo Contra-Almirante Wagner Lopes de Moraes Zamith, Comandante da 2a Divisão da Esquadra (ComDiv-2), contará, ainda, com um helicóptero “Super Lynx” (AH-11A), orgânico à Fragata “Independência”.

Durante a patrulha da Fragata “Independência” em períodos pré-alocados, serão realizados, também, exercícios com os navios Fragata “Edinburgh” (D-97) e Navio-Tanque “Wave Ruler” (A-390), pertencentes a Marinha do Reino Unido, em trânsito pela Área de Operação.

Os exercícios visam incrementar a interoperabilidade com aquela Marinha. No período destinado à Operação, a Fragata “Independência” visitará os seguintes portos:

- Natal (RN) - 26 a 29 de outubro;
- Belém (PA) – 01 a 07 de novembro;
- Itaqui (MA) – 18 a 21 de novembro;
- e Fortaleza (CE) – 23 a 27 de novembro.

Fonte: NOMAR