10 de Outubro, 2011 - 00:30 ( Brasília )

O mergulho do Submarino Ambush - Classe Astute


Barrow-in-Furness, Reino Unido: Ambush, o segundo submarino destruidor de embarcações inimigas da classe Astute, completou com sucesso seu primeiro mergulho, um marco importante na preparação do navio para os testes no mar, previstos para o início do próximo ano.
 
O mergulho, conhecido no jargão dos engenheiros como o “experimento de navegabilidade e estabilidade”, comprova a segurança e a estabilidade da embarcação na água e avalia seu desempenho em uma profundidade de 16 metros. O mergulho de estreia foi realizado em um período de dois dias e envolveu mais de 70 pessoas, incluindo engenheiros da BAE Systems, funcionários do Ministério da Defesa e uma equipe da embarcação pertencente à Real Marinha Britânica.
 
“Trata-se de um importante marco no processo de construção do Ambush, comprovando que está no caminho certo para sair de Barrow no início do próximo ano e iniciar os testes no mar. Submarinos nucleares são uma das máquinas mais complexas do mundo e, portanto, verificar que está tudo pronto para o primeiro mergulho é muito gratificante. Foi um excelente esforço das equipes da BAE Systems Submarine Solutions, da área de projetos de submarinos do Ministério da Defesa e da Companhia do Navio Ambush” declarou o Comandante do submarino Ambush, Peter Green.
 
Este experimento comprova a segurança e a estabilidade do submarino e define os padrões de operação para o desempenho do Ambush. São realizadas avaliações meticulosas em cada uma das etapas do mergulho, o que inclui o “projeto estabilidade” que avalia a profundidade que o barco fica abaixo da linha da água para alcançar o equilíbrio correto, avaliação de seu centro de gravidade e estabilidade do submarino intacto e em caso de danos.
 
O experimento é realizado em uma área profunda especial, nas docas de Barrow-in-Furness, conhecida como “bacia” ou “poço de mergulho”. Uma série de preparativos é realizada, incluindo mergulhar o submarino com seu tanque de lastro principal, ajustar o submarino usando sua navegabilidade e tanques de compensação, adernando ou inclinando-o e depois o emergindo, e por fim registar sua profundidade.
 
Antes dos testes no mar do Ambush, em 2012, haverá uma importante atividade de comissionamento, conhecida como Testes de Potência, no final deste ano, quando todo o sistema de propulsão passa por todas as etapas pela primeira vez.
 
 
Observações:
 

· Primeiro de sua classe, o HMS Astute foi formalmente entregue à Real Marinha Britânica em novembro de 2010. No momento, passa por testes no mar.
·  Embarcação 3, Artful – importantes equipamentos e sistemas foram comissionados em Devonshire Dock Hall (DDH) e, mais recentemente, os geradores a diesel da embarcação, 18 dias antes do previsto no cronograma.
·  Embarcação 4, Audacious – todas as unidades de pressão do casco já se encontram em DDH e o processo de equipagem e combinação já se encontra bem adiantado.
·  Embarcação 5, Anson, – a cerimônia do casco está marcada para quinta-feira, 13 de outubro, com a saída da primeira unidade do submarino da fase de fabricação, passando à de construção e equipagem no hall.
·  Embarcação 6 – teve início a fase de LLP (long lead procurement) e o primeiro corte do aço está marcado para 2012.