01 de Agosto, 2018 - 11:30 ( Brasília )

Navio-Escola “Brasil” suspende para XXXII Viagem de Instrução de Guardas-Marinhas


No dia 22 de julho, o Navio-Escola “Brasil” suspendeu da Base Naval do Rio de Janeiro a fim de cumprir a XXXII Viagem de Instrução de Guardas-Marinhas (VIGM), ocasião em que estiveram presentes à despedida, familiares e amigos dos militares embarcados.

A comissão tem o propósito de complementar, com ênfase na experiência prática, os conhecimentos teóricos adquiridos pelos militares na Escola Naval, durante o ciclo escolar, aprimorar a formação cultural dos futuros oficiais da Marinha do Brasil (MB) e representar o País e a Marinha nos diversos portos visitados, promovendo o estreitamento dos laços de amizade com as nações amigas.

Durante a VIGM, serão ministradas aulas práticas de navegação, meteorologia, marinharia, operações navais, controle de avarias e administração naval, realizando, dessa forma, uma importante fase de adaptação à vida de bordo.

Dos 208 Guardas-Marinhas integrantes da Turma “Almirante Gastão Motta”, 12 são militares do sexo feminino – todas do Corpo de Intendentes da Marinha e primeiras mulheres a concluir o ciclo escolar – e sete são estrangeiros, representantes de Angola, Líbano, Namíbia, Nigéria e Senegal, que cursaram a Escola Naval.

Também realizarão a viagem, jovens oficiais convidados das Marinhas amigas da Argentina, Bolívia, Chile, Estados Unidos da América, França, México, Paraguai, Portugal e Reino Unido, além de representantes do Exército Brasileiro, Força Aérea Brasileira e da Marinha Mercante Brasileira.

O roteiro da XXXII Viagem de Instrução contempla 15 portos em dez países, com regresso ao Brasil planejado para dezembro de 2018. Serão visitadas as cidades de Natal-RN, Belém-PA e Fortaleza-CE, Las Palmas e Valência (Espanha), Toulon e Rouen (França), Pireu (Grécia), Gênova (Itália), Lisboa (Portugal), Londres (Inglaterra), Hamburgo (Alemanha), Baltimore e Miami (Estados Unidos da América) e Cartagena (Colômbia).