06 de Março, 2017 - 10:00 ( Brasília )

Contra-almirante brasileiro assume comando de FT Marítima da ONU no Líbano


Durante cerimônia em Beirute, contra-almirante brasileiro Sérgio Fernando de Amaral Chaves Jr. assumiu semana mpassada comando da Força-Tarefa Marítima (FTM) da Força Interina das Nações Unidas no Líbano (UNIFIL). A Marinha do Brasil comanda as operações marítimas da ONU no Líbano desde 2011.

Durante cerimônia em Beirute, no Líbano, o brasileiro contra-almirante Sérgio Fernando de Amaral Chaves Jr. assumiu na segunda-feira (27) o comando da Força-Tarefa Marítima (FTM) da Força Interina das Nações Unidas no Líbano (UNIFIL).

O cargo antes era ocupado pelo contra-almirante Claudio Henrique Mello de Almeida. O Brasil lidera as operações marítimas da missão da ONU no Líbano, que contam com a participação de aproximadamente mil oficiais, entre eles brasileiros e militares de Bangladesh, Alemanha, Grécia, Indonésia e Turquia.

Na ocasião, o chefe da UNIFIL, Michael Beary, disse que a MTF, sob a liderança de Mello de Almeida no último ano, se destacou na condução das Operações de Interdição Marítima e no treinamento das Forças Armadas Libanesas (LAF) da Marinha.

“O trabalho da Força-Tarefa Marítima da UNIFIL é único nas operações de paz da ONU”, disse.

“Os marinheiros que patrulham as águas do Líbano sob a bandeira da ONU são patrulheiros que, além de desempenharem seu papel como mantenedores da paz, também desenvolveram uma doutrina da ONU sobre operações marítimas e provaram ao Conselho de Segurança e à comunidade internacional os benefícios que o domínio marítimo pode trazer às operações de paz”, acrescentou.

Beary disse que a ONU está grata à Marinha do Brasil por comandar “esta força-tarefa única e extremamente eficaz”.

Fundada em outubro de 2006, a Força-Tarefa Marítima da UNIFIL conta atualmente com cerca de 900 militares e sete navios, sendo um do Brasil. A Marinha do Brasil está no comando do MTF desde 2011.