19 de Novembro, 2015 - 17:00 ( Brasília )

Ericsson e Inmarsat fecham acordo estratégico que transformará o futuro do navio conectado


A Inmarsat, fornecedora líder de serviços de comunicações globais móveis por satélite, e Ericsson, líder mundial em tecnologia e serviços de comunicações, assinaram um acordo estratégico marítimo que se destina a facilitar o compartilhamento de dados de carga, logística e operacionais de navios para ajudar a simplificar a cadeia de abastecimento marítimo.

As duas empresas vão desenvolver conjuntamente serviços, soluções e aplicativos para orientar os padrões do setor para conectividade por satélite e integração de aplicativos no setor marítimo.

Como primeiro passo, a Ericsson assinou um contrato de distribuição para oferecer ao mercado marítimo o XpressLink, a rede VSAT que combina a banda L e a banda Ku da Inmarsat. O XpressLink oferece um caminho fácil do upgrade para o serviço Fleet Xpress da Inmarsat, movido pela nova constelação Global Xpress, quando este estiver disponível nos próximos meses. Pretende-se que naquele momento o acordo de distribuição com a Ericsson seja estendido para o Fleet Xpress.

A nova relação estratégica também abrirá caminho para a integração entre o Maritime ITC Cloud da Ericsson e conectividade global entregue através da rede de comunicações via satélite da Inmarsat, tanto na banda Ka como na banda L.

O Maritime ICT Cloud da Ericsson é uma solução ponta-a-ponta gerenciada na nuvem que conecta navios no mar com as operações em terra, como prestadores de serviços de manutenção, centros de apoio ao cliente, parceiros de frota/transporte, assim como operações e autoridades portuárias. Habilitado pela Inmarsat, o Maritime ICT Cloud garantirá que os caminhões passarão menos tempo ocioso nos portos, a carga gastará menos tempo em trânsito, e os produtores conseguirão planejar melhor os seus embarques.

Um exemplo de como o acordo de cooperação estratégica funciona na prática foi destacado com o recente anúncio de um contrato entre a  Ericsson e U-Ming Marine, empresa marítima líder especializada no transporte de cimento, carga seca e matérias-primas industriais. A Ericsson fornecerá à  U-Ming Marine soluções ponta-a-ponta de navios conectados e de otimização de viagens, incluindo a conectividade via satélite da Inmarsat.

Ronald Spithout, Presidente da Inmarsat Maritime, diz: “Com o Fleet Xpress, o primeiro serviço híbrido móvel banda Ka/L de banda larga de alta velocidade, integrado com e habilitando as soluções de classe mundial da Ericsson, estamos redefinindo a conectividade marítima. Este acordo transformacional criará oportunidades para operadores e gestores de embarcações para imediatamente capturar dados inteligentes.

“Todo mundo está falando de ‘big data’, mas eventualmente será a implantação de aplicativos a bordo e a gestão ponta-a-ponta de inteligência integrada que acabará por mudar a forma que o setor marítimo opera, tornando-o mais eficiente, mais ecológico e com acesso a mais valor. Estamos felizes que a confiabilidade e as normas operacionais da constelação de satélites da Inmarsat sejam reconhecidas como a melhor opção no roteiro de serviços integrados da Ericsson”.

John Taxgaard, Diretor da área Marítima da Ericsson, diz: “A Ericsson acredita que a Internet de Todas as Coisas tem o potencial de gerar um enorme valor para o setor marítimo. A parceria com a operadora líder de comunicações móveis globais por satélite é a melhor maneira de ajudar o setor marítimo a alcançar esse valor. Juntamente com a Inmarsat, vamos desenvolver em conjunto serviços, soluções e aplicativos totalmente integrados, e trabalhar no sentido de estabelecer padrões no setor marítimo para conectividade por satélite e integração de aplicativos”