03 de Dezembro, 2014 - 15:50 ( Brasília )

Rheinmetall - Novas capacidades e mais um cliente para o sistema de proteção naval MASS

Empresa alemã assina acordo dentro do programa de modernização das Forças Armadas da Austrália e da Nova Zelândia

Por Nicholle Murmel
Revisão: Ricardo Fan


A Rheinmetall continua a expandir sua gama de produtos para defesa naval. A fornecedora de sistemas sediada em Dusseldorf fez alterações e melhorias em seu já conhecido Sistema de Medidas Não-destrutivas Multi Munição (Multi Ammunition Softkill System), ou MASS.

Uma vez que espaço e peso são sempre fatores de limitação em qualquer plataforma, a Rheinmetall integrou o component anti-torpedo ao MASS. O conceito atual oferece a possibilidade de lancer até quarto iscas a partir de um único lançador. Os MASS já existentes podem ser facilmente equipados com o kit de atualização contra torpedos sem necessidade de modificação.

Durante a Euronaval 2014 (27 a 31 de outubro), a Rheinmetall exibiu o MASS com tecnologia anti-torpedo da companhia francesa DCNS. Mas basicamente qualquer sistema do tipo pode ser integrado ao kit de atualização.

A Rheinmetall também continua a oferecer a variante ISS (Integrated Sensor Suite ou Suíte de Sensores Integrados) do sistema MASS. Ela conta com radar ESM e sistema de aviso de laser. Análises de ameaças conduzidas pela própria empresa e por vários clientes mostram que perigos como míssies guiados e outras armas de porte menor contra navios em águas litorâneas não são detectáveis pelos equipamentos atuais das embarcações.

A fim de preencher esse vácuo, a Rheinmetall, em parceria com a israelense Elta, busca integrar a tecnologia NavGuard ao sistema MASS. O NavGuard é um sistema de aviso baseado em radar capaz de detectar até as ameaças menores. O MASS já passou por testes de fogo bem sucedidos em conjunto com o NavGuard.

Além disso, outro país se juntou à lista crescente de usuários do nosso sistema de proteção naval. A Nova Zelândia decidiu equipar duas de suas fragatas da classe MEKO, produzidas em conjunto com a Austrália. O contrato, emitido pelo Ministério da Defesa neozelandês dentro do programa de modernização das Forças Armadas da Austrália e da Nova Zelândia (ANZAC), é avaliado em 4,2 milhões de euros.

Neste projeto, a Rheinmetall atua como subsidiária da Lockheed Martin Canada Ltd. (LMC). A LMC contratou a Rheinmetall Waffe Munition (RMW) para fornecer duas unidades do MASS em configuração de lançadores gêmeos – o chamado MASS_2L – incluíndo componentes de longo alcance, além de dois sistemas navais de aviso de laser (NLWS).

A integração de sistemas de defesa como o MASS e os NLWS é prova do crescimento das ameaças assimétricas que Marinhas em todo o globo têm que enfrentar nas operações de combate modernas.

Os MASS são fabricados em Buck Fronau, na Bavária, e estão em andamento negociações com a SAAB Grintek Defence Pty, da África do Sul, para fornecer os sistemas de aviso de laser.

Os componentes produzidos na África do Sul serão entregues junto com os sistemas de proteção naval à Lockheed Martin para serem integrados aos navios da ANZAC.