04 de Julho, 2014 - 10:00 ( Brasília )

Marinha do Brasil apresenta protótipo da “Lancha Social Oceânica” ao MDS


A Marinha do Brasil realizou, no dia 25 de junho, a cerimônia de apresentação do protótipo da “Lancha Social Oceânica” (LSO) ao Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome (MDS). Esta nova lancha é resultado de um Termo de Cooperação Técnica celebrado entre a Marinha e o MDS, com a participação da Diretoria de Engenharia Naval e da Empresa Gerencial de Projetos Navais (EMGEPRON).

A parceria entre a Marinha do Brasil e o MDS para a construção de lanchas de Assistência Social teve início em 2012. Desde então, foram construídas e entregues 123 “Lanchas Sociais” (LS), com o objetivo de atender às famílias de comunidades carentes que vivem em áreas ribeirinhas e pantaneiras, em apoio aos programas e ações do Sistema Único de Assistência Social (SUAS) contemplados pelo Plano BRASIL SEM MISÉRIA, do MDS.

A “Lancha Social Oceânica”, desenvolvida e projetada pela Base Naval de Val-de-Cães, é fruto da necessidade observada pelo MDS em adaptar o modelo já existente, visando a atender municípios dos estados do Pará, Maranhão e Amapá, localizados em áreas onde eventualmente se observam ventos, correntezas ou marés que dificultem o tráfego de embarcações. Serão construídas 15 lanchas que atenderão aos seguintes municípios: Afuá, Viseu, Maracanã, Muaná, Salvaterra, Chaves, Limoeiro do Ajuru, Abaetetuba e Bragança, no Estado do Pará; Calçoene, Macapá, Oiapoque e Santana, no Estado do Amapá; e Icatu e Carutapera, no Estado do Maranhão.

A cerimônia de apresentação do protótipo da LSO contou com a presença do Comandante do 4º Distrito Naval (Com4ºDN), Vice-Almirante Edlander Santos; da Secretária Nacional da Assistência Social-Adjunta, Valéria Maria de Massarani Gonelli - representando a Ministra do Desenvolvimento Social e Combate à Fome, Tereza Campello; de Secretários Estaduais e Municipais, Prefeitos e Vice-Prefeitos, bem como Técnicos dos municípios que irão receber a LSO.