21 de Agosto, 2013 - 10:10 ( Brasília )

Marinha do Brasil realiza Operação “FRATERNO-XXXI” com a Armada da República da Argentina


A Marinha do Brasil realizou, no período de 7 a 17 de agosto, a Operação “FRATERNO-XXXI”, em conjunto com a Armada da República da Argentina (ARA).
 
Os meios brasileiros empregados foram a Fragata “Niterói”, o Navio-Tanque “Marajó”, o Submarino “Tikuna” e uma aeronave AH-11A “Super Lynx”. Já a ARA participou com o ARA “Almirante Brown”, ARA “Espora”, ARA “Parker” e uma aeronave Sea King PH-3 “Lira”.
 
O Grupo-Tarefa suspendeu da Base Naval de Puerto Belgrano, no dia 12 de agosto, e retornou após cinco dias de operações no mar. Nesse período, foram realizados diversos exercícios, como navegação em canal varrido, transferência de carga leve, transferência de óleo no mar, operações antissubmarino, trânsito com oposição aérea e exercícios de tiro real, entre outros.
 
Como já vem sendo feito, a 31ª versão da Operação “FRATERNO” teve o objetivo de aumentar a interoperabilidade entre as duas Forças Navais, marcando presença no Atlântico Sul. Além de estreitar os laços de amizade e de confiança mútuas existentes entre o Brasil e a Argentina.