18 de Julho, 2013 - 10:53 ( Brasília )

Diretor de Engenharia Naval assina contrato de construção de Embarcações de Apoio


No dia 12 de julho, o Diretor Engenharia Naval, Vice-Almirante (EN) Francisco Roberto Portella Deiana, e o Diretor Executivo do Estaleiro B3 Boat, Danilton Camilo, assinaram os contratos para a construção de uma Lancha de Emprego Geral Média (LEG-M) e de três Embarcações para Transporte de Pessoal Médias (ETP-M). O evento foi realizado na Diretoria de Engenharia Naval (DEN), localizada no Rio de Janeiro.


Os contratos objetivam a obtenção das embarcações, por construção, inclusive com o desenvolvimento do projeto de concepção e engenharia, o que estimula o desenvolvimento tecnológico da região e do País. Elas estão inseridas no Plano Plurianual de Obtenção de Embarcações de Apoio (PPOEA)


A LEG-M tem como características básicas: comprimento total de 12 metros, boca moldada máxima de 5,0 metros e calado máximo de 0,7 metros, comportando 40 passageiros e quatro tripulantes. A esta embarcação serão atribuídas tarefas de transporte de cargas gerais, em atividades de apoio administrativo ao Centro de Instrução Almirante Wandenkolk (CIAW), na Ilha das Enxadas (RJ). A LEG-M será dotada de moderno sistema de propulsão, terá grande mobilidade e manobrabilidade e elevados requisitos de segurança para a navegação na Baía de Guanabara. O prazo estimado para a construção é de 270 dias.
 

As três ETP-M têm as seguintes características básicas: comprimento de 25 metros, boca moldada máxima de 7,5 metros, calado máximo de 1,2 metros, comportando 200 passageiros e quatro tripulantes. Estas embarcações, destinadas ao CIAW e ao Centro de Avaliação da Ilha da Marambaia (CADIM), serão empregadas no transporte do pessoal administrativo, alunos e, no caso do CADIM, no apoio à atuação em Ações Cívico-Sociais relacionadas aos residentes da Ilha da Marambaia. As ETP-M constituem-se importante instrumento para a consecução das tarefas delegadas a estes Centros. Elas serão dotadas de modernos equipamentos de comunicações, equipamentos de navegação eletro-eletrônica, sistemas de propulsão e geração de energia, além de atender aos mais modernos requisitos de segurança e salvaguarda da vida humana previstos para embarcações desse tipo. O prazo estimado para a construção das embarcações é de 420 (1ª ETP-M) até 630 dias (3ª ETP-M).