30 de Maio, 2013 - 10:58 ( Brasília )

Aeronave MH-16 participa de sua primeira operação com a presença de submarino


No dia 9 de maio, o Esquadrão HS-1 participou de exercícios ao sul do Farol de Cabo Frio (RJ), empregando o Helicóptero MH-16 “Seahawk”, como parte do processo de qualificação e adestramento de sua tripulação em missões antissubmarino com as novas aeronaves, e em apoio ao Estágio de Qualificação para Futuros Comandantes de Submarinos (EQFCOS).

A aeronave, controlada pela Fragata “Niterói”, detectou e identificou visualmente o penacho do Submarino “Tikuna”. No evento, foi empregado o equipamento EOSS(Eletro Optical Sensor System), que permite a visualização de alvos de superfície, mesmo durante o período noturno. Foram realizados 10 dips, empregando o sonar HELRAS de baixa frequência, em dois lançamentos de 2,5 horas cada.

O MH-16, dentre as suas muitas capacidades, consegue gravar os dados de seus sensores de missão, por meio do equipamento DVR (Digital Video Recorder) e apresentá-los em vídeos ou em imagens.