COBERTURA ESPECIAL - Aço - Leopard 1A5Br - Terrestre

09 de Agosto, 2018 - 10:50 ( Brasília )

Da 3ª Brigada Estratégica à 3ª Divisão de Exército: 110 anos de história


A 3ª Divisão de Exército (3ª DE) completa, no dia 6 de agosto, 110 anos de história. A solenidade comemorativa, presidida pelo Comandante da 3ª Divisão de Exército, General de Divisão Mauro Sinott Lopes, foi realizada no dia 3 de agosto, no 4º Batalhão Logístico.

Logo no início da cerimônia, o toque de "Presença de Ex-Combatente" soou, em homenagem aos Senhor Taltíbio de Melo Custódio, com 97 anos, que integrou a Força Expedicionária Brasileira (FEB) e, com sacrifício, bravura e glória, soube defender a honra da Pátria e os ideais de liberdade e democracia, por ocasião da Segunda Guerra Mundial.

Após o canto da canção da 3ª Divisão de Exército, o General Sinott realizou a leitura de um texto alusivo ao 110º aniversário da "Divisão Encouraçada", destacando desde seu marco inicial, com a criação, em 1908, da 3ª Brigada Estratégica, que teve seu quartel-general instalado na cidade de Santa Maria, até os dias atuais, sendo  reconhecida como o maior poder de combate da Força Terrestre.

 

Como reconhecimento pela integração, amizade, apoio e participação conjunta nas diversas missões realizadas por esse Grande Comando, foi concedido o Diploma de "Amigo da 3ª Divisão de Exército" às Instituições e personalidades que se destacaram no corrente ano.

Receberam o Diploma a Entidade Beneficente Grupo Mão Amiga “Costurinha”; o Coordenador do Ambiente de Inovação da Universidade Franciscana, Sr Lissandro Dorneles Dalla Nora; o Fotógrafo, Sr Luciano Lopes de Souza; o Delegado de Polícia Civil, Dr Marcelo Mendes Arigony; o Reitor da Universidade Federal de Santa Maria, Professor Paulo Afonso Burmann; o Secretário Executivo e Mobilizador dos Cursos do Serviço Nacional de Aprendizagem (SENAR), Sr Sérgio Pereira da Silva; a Pró-Reitora de Pós-graduação, Pesquisa e Extensão da Universidade Franciscana, Sra Solange Binotto Fagan; e o Diretor Executivo Regional da RBS TV, Sr Zeno Batistella Junior.

O evento proporcionou a oportunidade para o estreitamento dos laços de amizade e interação dos militares desse Grande Comando com ex-integrantes da “Divisão Encouraçada” e a comunidade santamariense.

O evento foi encerrado com o desfile da tropa.

 
Fotos: Sd Henckes / Sd Marques / 3ª DE - CMS / EB

Origem da 3ª Divisão De Exército

Seu marco inicial foi a criação, em 1908, da 3ª Brigada Estratégica, que teve seu quartel-general instalado na cidade da Santa Maria.

A 3ª Brigada Estratégica foi constituída em um período em que o Exército Brasileiro vivia profundas transformações. No decorrer dos anos, a 3ª Brigada viria a receber as denominações de 9ª Brigada de Infantaria e 5ª Brigada de Infantaria, esta última extinta, em 1938, para dar origem à Infantaria Divisionária da 3ª Divisão de Infantaria (3ª DI), integrada por diversas unidades do Rio Grande do Sul.


Durante a Segunda Guerra Mundial, com o envio de mais de 250 militares para o teatro de operações europeu, a Infantaria Divisionária da 3ª Divisão de Infantaria deu importante contribuição à Força Expedicionária Brasileira.

Terminada a guerra, ocorre a transformação da Infantaria Divisionária da 3ª DI para 3ª Divisão de Infantaria, reunindo tropas de diferentes armas e serviços.

Em 1971, a 3ª Divisão de Infantaria foi extinta para dar lugar à 3ª Divisão de Exército, que oito anos mais tarde passou a ostentar a denominação histórica de “Divisão Encouraçada”, como lídima herdeira dos feitos e das tradições da 3ª Divisão de Infantaria do Exército Imperial que, sob o comando do Brigadeiro Antônio de Sampaio, Patrono da Arma de Infantaria, cobriu-se de glórias nas batalhas da Guerra da Tríplice Aliança.

Grandes Unidades Subordinadas





Foto: R Fan/DefesaNet

VEJA MAIS



Outras coberturas especiais


Venezuela

Venezuela

Última atualização 11 DEZ, 11:40

MAIS LIDAS

Aço - Leopard 1A5Br