COBERTURA ESPECIAL - LAAD 2013 - Defesa

09 de Abril, 2013 - 22:05 ( Brasília )

MBDA apresenta linha de mísseis na LAAD 2013


A MBDA, líder mundial e player global em mísseis e sistemas de mísseis, apresenta na 9ª edição da LAAD Defence & Security 2013, que acontece de 9 a 12 de abril, no Riocentro, sua linha de produtos voltados para terra, ar e mar. O grande destaque serão as versões mais avançadas do Exocet (SM-39 Block 2 Mod 2 e AM39 Block 2 Mod 2, respectivamente), que já estão sendo integradas aos submarinos Scorpène e helicópteros Cougar EC725 dos programas de Defesa brasileiros.

O sucesso da linha Exocet no país também confirma a excelência da parceria com a indústria brasileira, por meio da empresa Avibrás que desenvolve uma solução doméstica para a remotorização dos mísseis MM40 da Marinha do Brasil e da empresa Mectron, que desenvolve os meios de telemetria necessários para a qualificação do novo motor.

A família antinavios Exocet que começou com o MM38 mar-mar evoluiu para a versão ar-mar AM39 e depois para a versão mar-mar MM40. Em seguida, expandiu para a versão lançada de submarino ar-mar SM39. A mais nova versão do MM40 estará presente na LAAD. Ela oferece um campo operacional de até 200 km alcance, e é plenamente compatível com os lançadores existentes.

No Brasil, a MBDA - e as empresas que hoje a compõem - está presente há 40 anos. Os mísseis da MBDA (Albatrós, Sea Wolf, Exocet MM40) equipam os navios da Marinha, os helicópteros navais (Sea Skua, Exocet AM-39) e a Infantaria da Marinha (Mistral). Já o Exército brasileiro utiliza mísseis antitanques Eryx e Milan e a Força Aérea os mísseis Magic 2 e Super 530D em seus Mirage 2000.

A participação da MBDA na LAAD reforça a importância da América do Sul no setor de defesa. Além da parceria com a Avibrás e com a Mectron, a MBDA quer ampliar os projetos de cooperação para alavancar os resultados das empresas nacionais. "O continente está adquirindo um papel crescente no cenário internacional. Nos últimos anos, vários países da região se envolveram em operações internacionais de manutenção da paz e em atividades que demonstram su

e sentido, acontece o reconhecimento de que é preciso reforçar sua área de defesa, trabalhando com parceiros confiáveis e líderes de tecnologia, como a MBDA", afirma Patrick de La Revelière, Vice-Presidente de Vendas para a América Latina da MBDA.

Segundo Patrick, a região é altamente estratégica e baseia-se no desenvolvimento de parcerias de longo prazo. “Nossa política é ser mais do que um mero fornecedor, mas parceiros de desenvolvimento. A MBDA é o único player global capaz de atender a praticamente todas as necessidades e exigências das Forças Armadas (Aeronáutica, Marinha e Exército)", completa La Revelière.



Outras coberturas especiais


Crise

Crise

Última atualização 20 NOV, 12:35

MAIS LIDAS

LAAD 2013