COBERTURA ESPECIAL - LAAD 2013

08 de Abril, 2013 - 19:56 ( Brasília )

IVECO Tecnologia em Veículos de Defesa

Estande da montadora terá o blindado Guarani, feito em parceria com o Exército brasileiro, além do multifuncional LMV e versão militarizada do off-road Trakker.

· Investimentos da Iveco em Pesquisa e Desenvolvimento nesse segmento avançaram mais de 300% nos últimos anos.
 
·  Linha da montadora é comercializada em mais de 50 países, incluindo todos os membros da Otan.
 
 
Confiabilidade, robustez e, acima de tudo, segurança são atributos que não podem faltar a veículos destinados a proteger seus ocupantes em qualquer cenário. São qualidades como essas que estarão expostas no estande da Iveco na LAAD, mostra internacional de defesa e segurança, que será realizada de 9 a 12 de abril, no Riocentro (RJ). A montadora irá expor no local o blindado Guarani – já em produção no Brasil –, além da versão militarizada do off-road Trakker e o LMV, um veículo leve de tração integral, amplamente utilizado por exércitos europeus.
 
A linha de veículos de defesa da Iveco está dividida nas categorias blindados, caminhões e veículos multifuncionais. São produtos consolidados mundialmente, que começam também a chegar ao mercado brasileiro. “Nossa gama atual é o resultado de décadas de pesquisa, desenvolvimento e inovação. Por isso, a gama da Iveco é comercializada em mais de 50 países, incluindo membros da Otan”, afirma Paolo del Noce, diretor de Veículos Especiais da Fiat Industrial América Latina.
 
Para tornar seus veículos cada vez mais interessantes para os clientes, a Iveco tem mantido fortes investimentos ao longo dos anos no setor – e em escala cada vez maior. Incluindo recursos dos próprios compradores, a Iveco destinou 10,3 milhões de euros em Pesquisa e Desenvolvimento na sua gama de veículos de defesa no ano de 2003. Em 2011, esse valor chegou a 43,7 milhões de euros, em um avanço que ultrapassa a casa dos 300%.
 
Uma das inovações resultantes desse trabalho contínuo já teve seus primeiros exemplares fabricados em Sete Lagoas, Minas Gerais. Trata-se do Guarani, blindado desenvolvido em parceria com o Exército brasileiro. Um contrato inicial prevê o fornecimento de 86 desses veículos às Forças Armadas. Para isso, a Iveco investiu cerca de R$ 55 milhões, que incluem recursos empregados na construção da fábrica, já prestes a ser inaugurada. Além de moderno, o Guarani possui índice de conteúdos nacionais superior a 60%, com destaque para itens como motor, câmbio e chassi.

Plataforma base da família de blindados médios de rodas da Força Terrestre, o Guarani é um veículo para transporte de pessoal de 18 toneladas, equipado com motor diesel FPT Industrial de 383cv, transmissão automática. Ele possui capacidade anfíbia e é capaz de transportar 11 militares. As dimensões básicas do veículo são 6,91 metros de comprimento, 2,7 metros de largura e 2,34 metros de altura. O modelo pode receber diversos tipos de equipamentos de defesa e ser transportado pela aeronave KC-390, da Embraer.
 
LMV

Lince, como é conhecido por militares italianos, ou Panther, como é chamado pelos britânicos. O nome do felino pode variar, mas o que não muda é enorme aceitação do LMV nos mercados onde já é comercializado. A sigla, em tradução livre, significa veículo leve multifuncional, e revela a versatilidade do produto desenvolvido e produzido na sede da Iveco Defence Vehicles, em Bolzano, cidade encrustada entre as montanhas do norte da Itália.
 
O LMV dispõe de alta tecnologia e tem como pontos fortes a excepcional mobilidade e capacidade de proteção dos ocupantes – fato comprovado nas múltiplas missões de paz em que foi utilizado. Além das forças armadas Italianas, a Iveco tem fornecido numerosos LMVs às forças armadas da Grã-Bretanha, Bélgica e Croácia, entre outros países europeus.
 
“A versatilidade, a agilidade e a capacidade de adaptação a vários tipos de cenários e desafios são qualidades fundamentais que a equipe Iveco conseguiu reunir nesse veículo. Por isso, acreditamos que, com ele, tenhamos potencial para atingir uma série de novos mercados, incluindo o brasileiro”, diz Del Noce.
 
Trakker

O valente off-road da Iveco, vencedor do rally Dakar, já se tornou conhecido por sua capacidade de encarar qualquer tipo de terreno. Que tal, então, uma versão ainda mais robusta desse veículo, adaptada às necessidades especiais de forças de defesa de todo o mundo?  É o que o visitante do estande da Iveco na LAAD poderá encontrar no Trakker, versão 6x6, cabine simples. O caminhão apresentado conta com câmbio automático 16+2 marchas e motor cursor 13, com potência máxima de 380 cv.
 
O Trakker de defesa possui também uma versão com cabine de aço balístico que substitui a convencional, fornecendo proteção máxima ao condutor. A versatilidade do chassi permite seu uso com diversas finalidades. “O Trakker é um veículo já amplamente conhecido pelo mercado e reconhecido pela sua robustez. O que fizemos foi reforçar essas fortes qualidades e torná-lo apto também a atuar na área de defesa”, explica Del Noce.
 
Iveco

A Iveco, uma empresa do Grupo Fiat Industrial,  projeta, produz e comercializa uma ampla gama de caminhões leves, médios e pesados, veículos comerciais e fora de estrada, urbanos, interurbanos e para aplicações militares,  e defesa civil. A Iveco emprega cerca de 25.000 pessoas e opera em 11 países do mundo, utilizando excelência em tecnologia.  Além da Europa, a empresa opera na China, Rússia, Austrália e América Latina. Cerca de 5 mil postos de atendimento e vendas em mais de 160 países garantem apoio técnico em qualquer lugar do mundo onde um veículo Iveco esteja em funcionamento.

 


Outras coberturas especiais


Vant

Vant

Última atualização 22 SET, 16:00

MAIS LIDAS

LAAD 2013