COBERTURA ESPECIAL - Guarani - Terrestre

27 de Agosto, 2013 - 16:05 ( Brasília )

O Projeto Estratégico GUARANI - Situação atual do Projeto


O Projeto Estratégico GUARANI tem por objetivo transformar as Organizações Militares de Infantaria Motorizada em Mecanizada e modernizar as Organizações Militares de Cavalaria. Para isso, está sendo desenvolvida a “Nova Família de Viatura Blindada de Rodas” que recebeu o nome “Guarani”, a fim de dotar a Força Terrestre de meios para incrementar a dissuasão contra eventuais ameaças e a defesa do território nacional.

EBlog: Quais são os recursos necessários para a implantação total do Projeto?

EPEX: O valor total do projeto é de R$ 18,8 bilhões de reais.

EBlog; Para quando está prevista a conclusão do Projeto?

EPEx: Caso os recursos sejam liberados de acordo com o planejamento ideal do projeto, a sua conclusão está prevista para dezembro de 2031.

EBlog: Qual é a situação atual do Projeto?

EPEx: O Projeto GUARANI encontra-se, atualmente, na fase de Experimentação Doutrinária da Infantaria Mecanizada, de gerenciamento de contratos assinados, de readequação de Organizações Militares para receber as novas viaturas, de desenvolvimento de simuladores, de integração dos sistemas de comando e controle, de gerenciamento do campo de batalha e dos demais softwares da viatura.

Vale destacar que o protótipo encontra-se na final de avaliação e há a previsão de entrega de 102 viaturas até março de 2015.

EBlog: Quais são os principais resultados da implantação do Projeto para o País?

EPEx: Com a implantação do Projeto GUARANI, o Brasil receberá uma série de benefícios como: o resgate da indústria nacional como produtora e exportadora de produtos de defesa; o fortalecimento das ações do Estado na segurança e defesa do território nacional; a elevação da capacidade de dissuasão do Estado brasileiro; a elevação da capacidade tecnológica da indústria nacional; a criação de empregos diretos e indiretos; a diversificação da pauta de exportações; o emprego de moderno material de defesa na proteção das infraestruturas estratégicas.



Outras coberturas especiais


Embraer

Embraer

Última atualização 17 OUT, 13:30

MAIS LIDAS

Guarani