COBERTURA ESPECIAL - Gripen NG Brazil - Aviação

20 de Dezembro, 2013 - 20:31 ( Brasília )

Primeira reunião entre MD, COPAC e SAAB

Em telefonema à Amorim, ministra da Defesa da Suécia manifesta satisfação com escolha do Gripen NG



Brasília, 20/12/2013 - A ministra da Defesa da Suécia, Karin Enström, manifestou hoje a satisfação do governo e do povo suecos com a decisão do governo brasileiro de iniciar as negociações para aquisição dos caças Gripen NG, da empresa SAAB.

O contentamento com a escolha foi transmitido durante a manhã, em telefonema ao ministro da Defesa, Celso Amorim. Na ocasião, Amorim recordou os critérios técnicos que orientaram a decisão brasileira e expressou confiança no bom curso das negociações.

O ministro ressaltou à Karim Enström que, com a opção pelo Gripen, o Brasil inicia um relacionamento de longo prazo com a Suécia, dando concretude à parceria estratégica firmada entre os dois países em 2009. Essa parceria, acrescentou ele, inclui transferência e desenvolvimento conjunto de tecnologias relacionadas à aeronave.

Durante a conversa, Amorim mencionou, ainda, o interesse brasileiro em aprofundar tratativas sobre a cessão antecipada de caças Gripen C e D ao Brasil, até que as primeiras unidades adquiridas sejam entregues em 2018.

Ao confirmar as premissas da parceria industrial, tecnológica e militar que se abrem entre os dois países, a ministra sueca informou que, no início de 2014, seu país apresentará ao governo brasileiro propostas concretas sobre a cessão antecipada de caças, e sobre a capacitação da Força Aérea Brasileira (FAB) para operar a nova aeronave.

A ministra da Defesa da Suécia convidou o ministro Celso Amorim a realizar visita de trabalho a Estocolmo no primeiro semestre de 2014 para uma primeira avaliação do curso das negociações bilaterais.

Reunião

Também durante a manhã de hoje foi realizada, na sede do Ministério da Defesa, a primeira reunião com representantes da Saab. Coordenado pelo secretário-geral do Ministério, Ari Matos Cardoso, o encontro teve a participação de representantes da empresa, incluindo seu vice-presidente, Dan Jangblad, e da Comissão Coordenadora do Programa Aeronave de Combate (COPAC) da FAB.

Na oportunidade, foi apresentada uma proposta de cronograma que inclui as etapas relativas à elaboração dos contratos que darão sustentação jurídica à aquisição das aeronaves. A proposta apresentada será agora apreciada pela empresa, que deverá se pronunciar nos próximos dias sobre sua viabilidade. A expectativa é a de que o contrato de aquisição seja assinado até o final de 2014.

O Ministério da Defesa instituirá um grupo de trabalho para realizar o acompanhamento do andamento nas negociações. Além da Defesa, deverão participar do grupo representantes dos ministérios do Planejamento e da Fazenda.



Outras coberturas especiais


US

US

Última atualização 22 NOV, 10:40

MAIS LIDAS

Gripen NG Brazil