03 de Maio, 2011 - 11:03 ( Brasília )

Geopolítica

Exército sul-coreano realiza manobras na fronteira com a Coreia do Norte Seul


Seul, 3 mai (EFE).- O Exército da Coreia do Sul realizará nesta terça-feira manobras com fogo real nas ilhas do Mar Amarelo (Ocidental) fronteiriças com a Coreia do Norte, entre elas a de Yeonpyeong, atacada em novembro com obuses norte-coreanos.

Segundo informou a agência local "Yonhap", os exercícios contarão com a presença de dez militares americanos, na condição de observadores, e se prolongarão apenas durante esta terça-feira.

As operações serão realizadas nas águas das ilhas de Yeonpyeong e de Baengnyeong, cenários em 2010 de duas ações militares atribuídas à Coreia do Norte, o que deteriorou as relações entre as duas nações vizinhas.

"Os exercícios são manobras rotineiras e regulares com o objetivo de assegurar a preparação e desenvolver nossa capacidade de fogo", especialmente de morteiros e obuses, indicou uma fonte militar sul-coreana à "Yonhap".

A tensão entre as duas Coreias no Mar Amarelo é alta desde que em março de 2010 a corveta sul-coreana "Cheonan" afundou em águas próximas à ilha de Baengnyeong, em incidente que matou 46 tripulantes e é atribuído por Seul a um ataque submarino norte-coreano.

A situação piorou em novembro, quando as duas Coréias trocaram fogo de artilharia, o que provocou o bombardeio norte-coreano da ilha sul-coreana de Yeonpyeong e a morte de dois civis e dois militares do Sul.

As fontes militares sul-coreanas consultadas nesta terça-feira pela "Yonhap" indicaram que a Coreia do Sul realizará todas as ações necessárias para se proteger de uma possível provocação norte-coreana, embora não tenham sido observados movimentos incomuns em suas fileiras.

EFE
jmr/pa