29 de Abril, 2011 - 09:44 ( Brasília )

Geopolítica

Combates entre fiéis a Kadafi e rebeldes deixam 12 mortos


Pelo menos 12 líbios foram internados no hospital da localidade Tatauine, no sudoeste da Tunísia, após os intensos combates da quinta-feira entre as tropas de Muammar Kadafi e dos rebeldes líbios no posto de fronteira de Dhiba, informaram nesta sexta-feira à Agência Efe diversas fontes da região.

Os feridos continuaram chegando esta madrugada ao hospital de Tatauine, a 532 quilômetros ao sul da capital tunisiana, onde foram realizadas "duas intervenções cirúrgicas urgentes de amputação de extremidades por causa da gravidade dos ferimentos", assinalaram à Agência Efe fontes hospitalares que preferiram guardar o anonimato.

Os outros dos 12 feridos permanecem internados, alguns deles em estado grave.

"Estamos em alerta porque esperamos mais feridos procedentes da fronteira com a Líbia", indicaram as fontes médicas.

Ao mesmo tempo, centenas de refugiados líbios chegaram a essa região sulina da Tunísia na tarde da quinta-feira e durante a madrugada de sexta-feira, após os intensos combates pelo controle de Dhiba, em poder dos rebeldes desde a semana passada.

"Muitas destas famílias chegam a território tunisiano atravessando o deserto, evitando passar por Dhiba, após fugir de suas casas por trilhas secundárias e dunas", informaram à Efe fontes sindicais locais.

Ao redor de mil cidadãos de origem líbia encontraram refúgio nas casas de famílias tunisianas na quinta-feira e outros 5.000 chegaram nos últimos três dias à mesma região.