18 de Agosto, 2012 - 10:56 ( Brasília )

Geopolítica

Frota japonesa parte para ilhas Senkaku, apesar de protestos da China


Uma frota composta por cerca de vinte barcos japoneses zarpou neste sábado em direção às ilhas Senkaku, localizadas a cerca de 200 km da costa de Taiwan, para reiterar a soberania do Japão neste arquipélago, apesar dos protestos da China, que também as reivindica.

A frota zarpou às 11h30 GMT (08h30 de Brasília) da ilha japonesa de Ishikagi, no extremo sul do Japão, em direção às ilhas Senkaku, no mar da China meridional, conhecidas entre os chineses como Diaoyu. Pouco antes, Pequim havia convocado o Japão a "cessar imediatamente qualquer ação contra sua soberania territorial".

A bordo desta frota encontram-se parlamentares locais e militantes nacionalistas. "Quero mostrar à comunidade internacional que estas ilhas são nossas. O futuro do Japão está em jogo", declarou à AFP Kojima Kenichi, eleito na região de Kanagawa, perto de Tóquio. "Felizmente, a comunidade internacional reconhece globalmente que as ilhas Senkaku são japonesas, mas penso que é preciso, com este tipo de expedição, sensibilizar o resto do mundo sobre este problema", declarou a deputada japonesa Keiko Yamatani.