16 de Agosto, 2012 - 08:40 ( Brasília )

Geopolítica

Japão vai deportar ativistas chineses detidos em ilha disputada


O Japão decidiu deportar ativistas chineses que foram presos ao chegar a um conjunto de ilhas reivindicado por Tóquio e Pequim, afirmou a agência de notícias Kyodo nesta quinta-feira, uma decisão que poderá amenizar as tensões entre os rivais asiáticos.

Catorze ativistas chineses foram detidos na quarta-feira após desembarcarem e fincarem uma bandeira chinesa nas ilhas rochosas desabitadas conhecidas como Senkaku no Japão e como Diaoyu na China.

A disputa das ilhas, que ficam perto de potenciais reservas de gás, é uma das várias questões que desgastam os laços do Japão com os vizinhos asiáticos China e Coreia do Sul quase sete décadas após o fim da Segunda Guerra Mundial.