23 de Abril, 2012 - 09:37 ( Brasília )

Geopolítica

EUA reafirmam acordos de defesa assinados com as Filipinas


Os Estados Unidos reafirmaram nesta segunda-feira os acordos de defesa assinados com as Filipinas no curso dos exercícios militares conjuntos no arquipélago e em razão das tensões no Mar da China Meridional.

"EUA e Filipinas têm um tratado de defesa comum que garante nosso compromisso na proteção mútua", afirmou o tenente-general Duane Thiessen, comandante dos soldados americanos no Pacífico.

A declarações de Thiessen chegam em um momento de tensão entre a China e as Filipinas pela soberania dos atóis de Scarborough, disputados por ambas nações no Mar da China Meridional. No entanto, o tenente-general não detalhou que tipo de ajuda prestaria no caso de um conflito bélico e evitou ligar o litígio com a China aos exercícios militares que realizam no arquipélago até a próxima sexta-feira.

A crise em Scarborough começou no último dia 10 de abril quando dois navios chineses enfrentaram uma embarcação militar filipina para evitar a detenção de pescadores chineses que, segundo Manila, trabalhavam ilegalmente nos atóis. O governo filipino retirou a fragata militar e enviou em seu lugar um navio civil, que se encontra em alerta frente a um barco de vigilância chinês.

Uma semana mais tarde, Manila protestou pelo assédio de navios e aviões chineses contra outro barco filipino, o Saranggani, durante uma expedição arqueológica em Scarborough. As autoridades filipinas afirmam querer resolver a disputa por vias diplomáticas, mas também lembraram seu compromisso militar com os EUA.

China, Filipinas e outras nações da região como Vietnã, Malásia e Brunei disputam a soberania de centenas de ilhas no Mar da China Meridional.