02 de Abril, 2012 - 03:10 ( Brasília )

Geopolítica

Argentina ameaça bancos britânicos e dos EUA por petróleo nas Malvinas


A Argentina ameaçou mover ações judiciais contra bancos britânicos e americanos caso esses assessorem sociedades petroleiras na exploração de petróleo nas costas das ilhas Malvinas, arquipélago alvo de tensões entre Londres e Buenos Aires, informou no domingo o Sunday Telegraph.

Em uma carta enviada a vários bancos, a embaixada argentina em Londres pediu para que esses "mantivessem em mente, quando sua opinião for solicitada, os riscos da existência de uma disputa sobre a soberania (das Malvinas) e as consequências de uma exploração ilegal de hidrocarbonetos" neste arquipélago.

"As sociedades direta ou indiretamente implicadas nessas atividades estarão sujeitas a ações administrativas, civis ou penais, como preveem as leis argentinas sobre o assunto", adverte o documento citado pelo jornal britânico.

A nota foi enviada ao Barclays Capital, Royal Bank of Scotland e Goldman Sachs, disse o Sunday Telegraph. Em meados de março, a Argentina já havia anunciado sua intenção de processar as companhias petroleiras que operam no arquipélago, do qual reivindica sua soberania.

Várias pequenas sociedades petroleiras iniciaram prospecções frente às Malvinas, mas apenas uma, a Rockhopper, apresentou até agora resultados positivos. Esta sociedade espera desenvolver a partir deste ano uma reserva de hidrocarbonetos significativa, o campo Sea Lion, ao norte das ilhas, tendo em vista uma exploração comercial a partir de 2016.