03 de Fevereiro, 2012 - 10:37 ( Brasília )

Geopolítica

Chávez critica imagens de crianças armadas em Caracas


O presidente da Venezuela, Hugo Chávez, criticou na quinta-feira as imagens divulgadas na internet há duas semanas nas quais um grupo de crianças aparece com fuzis em um bairro popular de Caracas, e garantiu que seu governo investigará o fato.

"As armas que esta revolução necessita para defender-se estão nas mãos de quem deve tê-las: a Força Armada Bolivariana da Venezuela", disse o presidente em uma cerimônia que celebrou os 13 anos de sua chegada ao poder.

"Que se investigue e se atue, não podemos avalizar nem permitir coisas como estas, e menos ainda utilizando crianças. As crianças devem cantar, brincar, estudar", completou, antes de afirmar que ordenou ao ministro do Interior e Justiça, Tareck El Aissami, que investigue a fundo o caso.

Sites e redes sociais divulgaram há duas semanas imagens de três meninos com os rostos cobertos, camisas vermelhas e carregando fuzis durante um ato no bairro 23 de Enero, uma zona popular tradicionalmente chavista.

Chávez, visivelmente irritado ao abordar o tema, advertiu que a situação pode ser usada contra o governo.