19 de Dezembro, 2011 - 05:56 ( Brasília )

Geopolítica

Kim Jong-un é o "grande sucessor" de Kim Jong-il, diz agência


Kim Jong-un, filho mais novo de Kim Jong-il, é o "grande sucessor do sistema revolucionário" da Coreia do Norte após a morte de seu pai, segundo informou a agência estatal de notícias do país comunista, KCNA.

"Temos que transformar esta tristeza em valor sob a direção de Kim Jong-un e temos que lutar para que a grande revolução tenha êxito neste momento difícil", segundo o escritório da agência, recolhido por meios de imprensa japoneses. "O comando de Kim Jong-un é seguro e definitivo para cumprir a revolução e a brilhante sucessão", conclui o escritório da KCNA.

Em setembro de 2010, Kim Jong-un, terceiro filho de Kim Jong-il, foi nomeado general de quatro estrelas e chamado a ocupar dois importantes cargos no Partido dos Trabalhadores, o que o colocou como o sucessor de seu pai, falecido no sábado de um infarto durante uma viagem de trem.

Kim Jong-un, que nasceu em torno de 1983 da terceira mulher de Kim Jong-il, tinha aparecido desde então em várias ocasiões junto a seu pai em atos oficiais. O filho mais novo do líder norte-coreano presidirá o funeral de seu pai, que acontecerá no próximo dia 28 em Pyongyang.

Segundo a KCNA, corpo de Kim Jong-il ficará no Palácio Memorial de Kumsusan, que abriga o corpo embalsamado do "grande líder" Kim Il-sung, e é um dos principais pontos de visita da hermética Coreia do Norte.